sábado, 24 de julho de 2010

news #

Consegui, graças à Alessandra e não à mim mesma, acreditem, o livro A Breve Segunda Vida de Bree Tanner! Agora quem quiser ou pega no link de downçload aqui, ou então me manda um email para amandas-94@hotmail.com, ou então manda um email lá para a Alessandra, como ela mesma disse num dos comentários e eu apenas achei sensato reproduzir no post, para alegatinha_alves@hotmail.com.

Galerê, muita gente está se perguntando quem são os personagens estampados nas capas dos livros, então a autora resolveu nos esclarecer isso no blog dela:
Na capa de City of Bones, é o corpo de Jace, em City of Ashes é o corpo de Clary e em City of Glass é o corpo de Sebastian.
Okey, antes de mais nada eu queria comunicar a vós, que Cassandra Clare está escrevendo uma outra trilogia, The Infernal Devices, a qual será narrada 150 anos antes de tudo acontecer, você sabe, Clary nascer, Valentine, Jace, enfim, todo mundo. Um personagem que terá bastante participação nessa nova trilogia será o Magnus, porque, como ele disse, ele tem oitocentos anos. A gente poderá entender algumas coisas, tipo como surgiram alguns apetrechos herdados de gerações e como foi o inicio de toda essa muvuca.
Primeiro surtem. Sério, pulem. Porque eu acabei de descobrir agora que Mortal Instruments teve seus direitos autorais comprados para reprodução de um filme em agosto do ano passado, 2009. Mas eu acho que vocês já sabiam disso, afinal. Enfim, eu não sabia e eu meio que total e completamente adorei essa notícia! Tipo, oi cara, vou ver Jace e Clary no cinema *-* E o Magnus, porque eu só amo o Magnus... Ai. Adorei. Mas lembrando que só a trilogia, os três primeiros livros que são Clary e Jace como foco principal que terão o filme, ninguém disse nada sobre a atenção que vão dar pro nosso Simon que, a propósito, eu acomecei a seriamente amar quando ele abriu mão da Clary porque sabia que não era isso que ela queria. Você sabe, eu adoro ele.
Ah, e só para registro, Cassandra Clare não terá relação alguma com os filmes, você sabe, ela não vai poder opinar na hora do roteiro final ou na escolha dos atores e tal, mas os roteiristas dos filmes de The Mortal Instruments serão ninguém mais e ninguém menos que os que fizeram os roteiros de toda a trilogia O Senhor dos Anéis. Então, como a própria Cassandra disse no twitter, nós confiamos neles.
Sobre City of Angels Fallen, então, será um quarto livro da série lançado em março de 2011, dando sequência aos aconteceimentos deixados meio em aberto em City of Glass, porém o protagonista será o Simon e não a Clary. Vocês sabem, quem leu City of Glass, apesar do estupendo final, algumas coisas sobre Simon, principalmente sobre a marca dele, ficaram com um ponbto de interrogação o qual poderia ou não ser respondido pela nossa linda Cassandra Clare. A questão, para alivio geral da nação, é que Cassandra decidiu que ela precisava responder isso. O que eu achei beeem legal porque, oi, mais Mortal Instruments.
Ela divulgou algumas coisas já sobre o quarto livro, as quais eu vou postar aqui, mas se vocês quiserem terem mais algumas informações sobre eventos e tal, vejam nesse site aqui, o qual é o fansite oficial brasileiro. Hm, antes que alguém pergunte, as coisas estão escritas em primeira pessoa nesse negócio dos capítulos e sobre o que eles falam, mas não é eu ou o gerenciador do blog do qual eu copiei, foi a própria autora do livro que escreveu e foi apenas copiado do blog dela. (y)
Seguem o nome dos capítulos e sobre o que tratarão no quarto livro de TMI:
City of Fallen Angels

Capítulo 1: Uma Proposta
No qual Simon, que vem tentando ter uma vida tão normal quanto conseguir, descobre quenão será mais possível.

Capítulo 2: Medo de cair
Esse capítulo será incluído na versão capa dura de City of Glass, então não irei dizer muito, só que será no ponto de vista de Clary.

Capítulo 3: Sete vezes
E o Senhor respondeu-lhe: “Mas aquele que matar Caim será punido sete vezes”. O Senhor pôs em Caim um sinal, para que se alguém o encontrasse, não o matasse. Bom, toda aquela coisa de Marca de Caim não ia simplesmente desaparecer.

Capítulo 4: A arte dos oito membros
Este contém uma seqüência de treino que envolve Muay Thai, uma arte marcial que é chamadade “A arte dos oito membros” porque envolve mãos, cotovelos, joelhos e pés.Também é o capítulo que contém aquela frase da Seelie Queen que twittei – a que dizia “Ele está preso a você, mas ele a ama?”

Capítulo 5: Inferno atrai inferno
Isso é latim, de um dos Salmos, abyssus abyssum invocat. Também traduzido como “profundezas atraem profundezas”. No qual Clary prova um vestido de dama de honra.

Capítulo 6: Acordem os mortos
Bem literal, na verdade.

Capítulo 7: Praetor Lupus
Aqueles que têm inclinação pro latim podem se divertir com essa. Este capítulo tem lobisomens.

Capítulo 8: Caminhada no escuro
“Mas aquele que odeia seu irmão na escuridão, e anda na escuridão, não sabe onde vai, porque essa escuridão o deixou cego.” E no meio tempo, a banda de Simon tem um show.

Capítulo 9: Do fogo para o fogo
Isso é de Oscar Wilde:
“Não, deixe-nos andar do fogo até o fogo,
De dor apaixonadaao mais mortal prazer, —
Eu sou jovemdemais para viver sem desejo”.
Tenho certeza que todos ficarão felizes em saber que esse capítulo é principalmente sobre Clary e Jace.

Capítulo 10: Estrada Riverside, 232
Quase literalmente o endereço de alguma coisa importante (me pergunto se alguém mora nesse endereço de verdade — eu tenho um amigo que mora na Estrada Riverside, mas não nesse número...)

Capítulo 11: Nossa raça
Nesse caso, "nossa raça" é vampiros.

Capítulo 12: Santuário
Onde um personagem que conhecemos de Clockwork Angel faz um estranho pedido aos Nephilim.

Capítulo 13: Garota encontrada morta
É o que o título diz na lata!

Capítulo 14: O que sonhos podem trazer
"Max,"Jace disse. "Max, me perdoe."

Capítulo 15: Beati Bellicosi
A frase de verdade em latim é "Beati Pacifici" — abençoados sejam ospacificadores. Nesse caso, eu alterei (esperando que esteja correto) para "Abençoados sejam os guerreiros".

Capítulo 16: Anjos de Nova Iorque
Quem conhece a música Angels on the Moon do Thriving Ivory irá reconhecer essa frase.

Capítulo 17: Caim levanta-se
"E falou Caim com o seu irmão Abel; e sucedeu que, estando eles no campo, se levantou Caim contra o seu irmão Abel, e o matou." Essa passagem é da bíblia (Gênesis 4:8), a história de Caim e Abel — é tematicamente recitada no decorrer do livro já que a história é sobre família, assassinato, pecado, perdão e sangue.

Capítulo 18: Cicatrizes de fogo
Isso é na verdade do poema de Carl Sandburg:
"Cantor andarilho do oceano,
Cantando sobre cinzas e sangue,
Filho das cicatrizes de fogo,
Faça-nos um novo sonho, àqueles que esqueceram.
Fora da tempestade, deixe-nos ter uma estrela."

Epílogo
O epílogo é apenas chamado "epílogo". É bem curtinho, mas vale à pena. Eu espero!

Cassandra Clare postou em seu twitter um pequeno pedaço de City of Fallen Angels com Alec e Magnus:

"Quantas outras pessoas?" Alec perguntou. "Mais ou menos."
Magnus chacoalhou sua cabeça, "Eu não posso contar e não importa. A única coisa que importa é o que sinto por você."
"Mais de duzentas?" Magnus parecia inexpressivo. "Trezentas?"
"Não acredito que estamos tendo esse tipo de conversa agora," Magnus disse para ninguém em particular.
"Porque tantas?" Os olhos azuis de Alec estavam muito brilhantes na escuridão. Era difícil de dizer se ele estava bravo — ele não parecia bravo, apenas muito intenso, mas Alec tinha uma personalidade calada e talvez esse fosse o máximo de raiva que ele poderia ter. "Você fica entediado facilmente com as pessoas?"
"Eu vivo para sempre," Magnus disse quietamente. "Mas nem todas me deixam."

Deixe te dizer, eu acho que nesse spoiler que a autora liberou, bem, Magnus e nosso Alec lindo estão tendo uma DR. Sabe, eu acho que eles estão divulgando suas listas. Vocês sabem, com quantas pessoas você já ficou. Eu acho que talvez a listinha - como meu amigo Bruno chamaria - do Magnus deve ser um pouquinho extensa demais para o Alec. -hihi

Só espiem a capa de Frostbite lá em Portugal. Todo mundo sabe que o nome (terrível, terrível nome) que o segundo livro da série Academia de Vampiros ganhou aqui no Brasil (ao contrário do que a votação que o site oficial fez onde os fãs escolheram Ferida de Gelo) foi Aura Negra. Lá em Portugal, porém, o nome é Beijo Gelado. Okey que não é o nome mais maravilhoso do mundo, mas vamos concordar que, comparando com nosso querido Aura Negra, nós não podemos sequer abrir a boca pra falar alguma coisa. Você sabe, Aura Negra não é exatametne legal. Na boa, não legal aqui nem lá na China. É terrível em qualquer lugar. Antes fizessem como a Galera da Record fez com Fallen, deixando o nome em inglês, do que traduzir desse jeito. Mas enfim. A coisa é a capa.
Ah, a capa. A capa lá em Portugal é simplesmente linda. Sério. Eu amei. Ao contrário da brasileira onde eles dão um zoom desnecessário na cara dos modelos e deixam aquele estilo de fonte meio esquisito pra escrever o título do livro e essas coisas, e aquele vermelho e branco que podiam muito bem serem meio esfumados ou transparentes porque, francamente, ficou tão caseira aquelas capas que meu Deus, não vou dizer nada porque todo mundo já sabe o que eu penso sobre isso.
A capa de Beijo Gelado lá e Portugal:


Também temos a capa de Awakened, oitavo livro de House of Night. É a capa inglesa que, por sinal, são as que eu mais estou gostando ultimamente. Mas sou suspeita pra falar de HON já que eu meio que desisti de ler. Afinal, quantos mais livros de enrolação teremos? Meio que o Kalona não pode infernizar todo mundo para sempre. Mentira, ele pode porque ele é imortal, mas, bem, a Zoey não, apesar de ser vampira e pder viver sei lá, dois mil anos e meio, mas francamente, ela precisa se decidir com quem vai ficar. Sério, se eu fosse ela já teria sossegado no Erik. Mas, claro, quando Stark aparecesse eu simplesmente diria: "Olha Erik, nós ainda podemos ser amigos." Pronto. Fodam-se. Sério, pra que tanta enrolaçõ dessa coisa "oh cara eu não sei de quem eu gosto acho que amo três mil caras ao mesmo tempo" ¬¬ oi, se é amor verdadeiro, cara, você completamente não tem como se apaixonar por duas pessoas. Será apenas aquela única e eterna na sua vida, apesar de tudo que aconteça, você não vai sentir o que você sente (tipo furacões e terremotos) quando você beijar alguém que não seja ele. Então Zoey, você é uma vadia. Fato comprovado desde o segundo (ou foi já no primeiro?) livro da sua história.




3 comentários:

  1. hsuhushuaushau Tenho minhas severas opinnioes com oque você disse mais na unica coisa que eu discordo seriamente foi quando você disse:
    " Sério, se eu fosse ela já teria sossegado no Erik."
    Cara eu acho o Erik um Retardado com letra maiuscula, tipo ele é mandao e ciumento, fora que quando a Zoey comete erros -que é oque ela melhor faz- ele sempre explode e da uma de idiota! Tipo o cara pode ser o Super Men mas ninguem merece! Tipo ele é bonito e tal mas um idiota duas caras! Tipo ele jurou amor pra Zoey e dps tava com a Venus! Lesado!! Grrr!!
    Fiquei seriamente em duvida entre o Stark e o Heath mas com os acontecimento no 6° ou 7° livro é Stark sem duvida, mas ainda acho que eu escolheria o Heath se ele, bem não tivesse... Partido..
    Ele é super carinhoso e fofo com ela, fora que ele é lindo e entende ela, e tambem conhece ela como ninguem mais! hehe
    Ok ok parei ;D

    ResponderExcluir
  2. hahahah, sim sim, eu torço pro Stark forever, mas no começo, quando o Erik apareceu, ele não era um idiota mandão e ciumento como ficou nos últimos livros... ele era todo fofo no começo... E By, vou discordar de ti, eu odiava o Heath, sempre achava que ele tava atrapalhando a coisa toda (#
    ta, parei :D
    bjs

    ResponderExcluir
  3. ~) 'Oii Amaanda ! Seempre too akiee veendo seeus livros ,e apreendi a goostar de anjiinhos (Vaampiros ecaa huaauhaua ')Adoreei HushHush e too roeendo as unhas ra cheegar outubro rs ...
    Boom eu teentei baaixar City of Ashes maais num deeu ='( buáááá
    # Vêe praa eu xD
    Beeijo
    Faný

    ResponderExcluir