domingo, 21 de março de 2010

:#

Sabe quando você julga uma pessoa sem conhecer? Algo do tipo que você bateu o olho e pensou: NÃO. DEFINITIVAMENTE NÃO. Pois é, cometi esse erro totalmente clichê e vou dizer a frase mais clichê ainda nesses casos: Eu estava errada. Sério, su madura o suficiente para admitir.
Uma rixinha completamente idiota, por causa de uma besteira sem tamanho não me deixou enxergar quem era a verdadeira pessoa que se escondia por trás da personalidade forte. Não que personalidade forte seja um problema, eu também tenho personalidade forte, mas a questão é que sou teimosa demais para dar o braço a torcer nesses assuntos. Então dou de cara no muro - não literalmente, óbvio, figurativamente falando.
Aprendi minha lição: nunca mais vou olhar apenas pelo que a pessoa é por fora porque dentro pode ter algo de muito mais valor. Claro que não vamos ser melhores amigas, até porque depois de tudo que aconteceu nem tem como, mas sinceramnete, quem sabe do futuro? Eu definitivamente não sei. Então o que custa gostar das pessoas e ser amiga delas? Nada, apenas um pouquinho do seu afeto. Nada mais.

Pronto. Abri meu coração.

Nenhum comentário:

Postar um comentário