domingo, 31 de janeiro de 2010

Hush, Hush

Cara, eu sou muito boazinha com vocês :) Achei a sinopse e tudo o mais que esta escrito na aba do livroe a frase do inicio, sabe aquelas que a gente copia e coloca como legenda em foto no orkut (: Bom proveito pessoas ;D

Sinopse 2: (essa é a que vem na contra capa do livro!)
UM JURAMENTO SAGRADO, UM ANJO CAÍDO, UM AMOR PROIBIDO
NORA GREY É RESPONSÁVEL E ESPERA e não é de, de maneira alguma, propensa a ser impulsiva. Seu primeiro erro foi ficar caída por Patch. Patch tem um passado que pode ser chamado de qualquer coisa, exceto inofensivo. A melhor coisa que ele já fez foi ficar caído por Nora.
Após ficar como dupla de Patch na aula de biologia, tudo que Nora quer é ficar longe dele, mas ele sempre parece estar a dois passos a frente dela. Ela consegue sentir os olhos dele nela mesmo quando ele não está nem um pouco por perto. Ela sente-o perto mesmo quando está sozinha em seu quarto. E quando sua atração não pode mais ser negada, ela descobre o segredo sobre quem Patch é e o que o levou a ela. Apesar de todas as perguntas que ela tem sobre o passado dele, no final, haverá somente uma pergunta que eles poderão perguntar um ao outro: O quanto você está disposto a ficar caído?

Autora: BECCA FITZPATRICK cresceu lendo Nancy Drew e Trixie Belden com uma lanterna debaixo das cobertas. Ela se formou na faculdade na área da saúde, a qual ela prontamente abandonou para contar histórias. Quando não está escrevendo, ela provavelmente está rondeando prateleiras de promoção procurando por sapatos rejeitados, correndo, ou assistindo drmas criminais na TV. Hush, Hush é seu primeiro livro. Ela vive em Colorado.

"Deus não poupou a anjos quando pecaram,
antes, precipitando-os no inferno,
os entregou a abismos de trevas,
reservando-os para o juízo."
–2 Pedro 2:4
 
Eu sei, eu sei. Eu tmb amo vocês ^^

Trágico, trágico .

As vezes as pessoas podem ser realmente cruéis em relação a minha altura. Piadinhas com relação a minha altura são frequentes. Até minha irmã mais nova entrou na roda.
Estávamos eu, ela e minha mãe assistindo a uma reportagem na tv sobre anões. Minha mãe diz: "Nossa, a Amanda perto deles é uma giganta!" Eu olhei bem séria para ela e preferi responder o comentário com um sorrisinho amarelo e um obrigado. Porém, minha irmã mais nova ! exclama: "Não mãe! Até perto deles ela fica pequenininha!"
Okey, trágico. Idaí que eu tenho 1, 63 e meio ? Idaí que meu irmão de 13 anos é mais alto que eu dois centimetros ! ? Idaí que minha irmã mais nova esta quase me alcançando? Okey, meus problemas são sérios, mas tipo, eu sei disso, não precisam ficar me lembrando :)
Uma vez, eu estava caminhando pela escola ao lado do meu melhor amigo, quando ele se vira pra mim e diz: "Mê! Como tu é pequenininha!" Eu nem sei da onde veio aquele comentário, mais tudo bem. Mais tarde no mesmo dia, estavamos na sala de aula, ele sentado do meu lado e lança: "Não, mas não pode, tu é muito pequenininha." Sério, eu estudo com o garoto desde a segunda série e já fui maior que ele um dia. Pois é, hoje ele tem os seus 1, 87. Eu sei, trágico.
Biblioteca da escola, livros bons localizados na parte mais lata da prateleira e a Amanda se matando pra alcançar. Eu já estava na pontas dos pés e com o braço totalmente esticado e ainda não conseguia alcançar o livro. Pois é, eu sou brasileira minha gente - eu nunca desisto {; Então, um amigo particularmente bem mais alto que eu, chega me dando um puta susto dizendo: "Ajuda?" sim, eu fico vermelha, dou um sorrisinho do tipo "Sim, eu realmente necessito muito de um cara forte alcançando um livro pra mim" e balanço a cabeça. Livro nas mãos e eu descubro que é poesia. E eu odeio poesia. Sim meus queridos, toda aquela humilhação para um livro que eu devolvi - numa prateleira mais baixa, claro.
Minha melhor amiga e eu quando vamos andar na rua, sabe, no asfalto do bairro tem tipo uma elevação e como ela tem 1,75 ; bom, eu fico do lado mais alto do asfalto onde nossa piadinha itnerna é 'para não dar muito contraste'. O pai da minha outra melhor amiga e vizinha :D sempre que eu ia na casa dela o que era frequente :D ele me perguntava o que eu queria ser quando eu crescesse, bom, eu sempre respondia: JORNALISTA e então ele dizia: "Não, você vai ser grande." Eu nunca entendi se era uma analogia ao meu tamanho ou uma consideração de que eu ainda tinha esperança de crescer.

Beijos para as baixinhas que me entendem. Porque ser baixinha é estilo meu beeem ;D

Hush, Hush | Série Falling for the Fallen | Becca Fitzpatrick

OMG. Sério, eu já tinha ouvido falar e mimimi, mas não me causou aquele impacto que tu sacode a cabeça e diz: eu preciso disso ! Nada disso. Então, hoje fui dar um aprocurada - apenas por curiosidade, e OMG, de novo. Fique claro que não sou a favor de palavrões, mas essa capa de Hush, Hush merece um elogio super fodástico ! Tipo, totalmente cool :@ E adivinhem, a editora Íntrinseca vai publicar esse livro, mais sua capa 100% fodástica pois ela não vai ser reproduzida :) aqui no Brasil no primeiro semestre de 2010. Jesus, haja dinheiro no meu bolso. Ah, e gente, o livro fala sobre anjos caídos e a capa faz honra aos anjinhos *_* [/prontoagoraeudisse]
Povo, aqui esta o link para baixar o primeiro capitulo (apararentemente já que tem pouca coisa) de Hush, Hush.

Sinopse: Hush, Hush - Série Falling for the Fallen
Se apaixonar nunca foi tão fácil... ou tão mortal!
Para Nora Grey, romance não fazia parte do plano. Ela nunca esteve particularmente atraída aos garotos de sua escola, não importa o quanto sua melhor amiga, Vee, a empurre em cima deles. Não até que Patch chegue.
Com aquele sorriso fácil e olhos que parecem ver dentro dela, Nora fica atraída a ele contra sua vontade.
Mas após uma série de aterrorizantes encontros, Nora não tem certeza em quem confiar. Patch parece estar em todo o lugar que ela está, e saber mais sobre ela do que seus amigos mais próximos. Ela não consegue decidir se deve cair em seus braços ou correr e se esconder. E quando ela tenta buscar algumas respostas, ela se encontra perto de uma verdade que é mais perturbadora do que qualquer coisa que Patch a faça sentir.
Porque Nora está bem no meio de uma antiga batalha entre os imortais e aqueles que sucumbiram - e, quando se trata de escolher lados, a escolha errada custará a sua vida.

Novidades :)

Pois é gente, voltei a caça por novas sagas literárias e bom, achei umas consideravelmente legais, até porque eu só li a sinopse até agora. Primeiro eu vou terminar de ler Anjos e Demônios e toda aquela coisa tensa sobre explodir antimatéria no Vaticano :O E depois começo a ler essas ai de baixo :) Porque gente, fala sério, temos que ler coisas diferentes ou do mesmo genero até saírem os tantos livros mais esperados de 2010: Spirit Bound, Burned, Kiss of Death e por aí vai. Enjoy (:

Bite Me - Parker Blue, Demons Undergorund (lançado em 2008)
Com apenas dezoito anos de idade, a heroína Val Shapiro obteve um trato injusto na escolha de pais. Seu pai era metade demônio Incubbus e sua mãe não a perdoa por isso.
A vida depois do colégio é bastante difícil sem ter que lutar 15 rounds com seu demônio interior. Depois de ser expulsa de sua casa por sua mãe, Val põe um pé diante do outro e faz a única coisa que parece ter sentido... assassinar os vampiros que estão na cidade. Cravar uma estaca por dia, mantendo controlado o demônio. (Mas não a chame de Buffy. Isso faz com que Lola, seu demônio interior, fique irritada).
Seu lado escuro faz com que a vida cotidiana seja como uma montanha-russa, mas isso significa que é perfeita para seu trabalho noturno como caçadora. Os vampiros de San Antonio estão fora de controle e depende de Val, de seu fiel cachorro do inferno “Fang” (presas) e de seu novo companheiro, um bonito detetive de San Antonio manter os mortíferos predadores fora das ruas da cidade.
Ela logo se encontra mergulhada nas profundezas da cidade, descobrindo os segredos dos demônios subterrâneos e lutando para salvar os seus entes queridos. Quer eles a amem, ou não.

O segundo volume da série Demons Underground irá se chamar Try Me e tem previsão de lançamento para fevereiro de 2010.
01. Evernight (Sempre noite) - Claudia Gray
Em uma escola onde nada é o que parece. Dois jovens atraídos por uma força magnética. Um escuro e perigoso segredo. E apenas uma certeza: se entregar ao amor é brincar com fogo.
Este é o thriller romântico da literária estréia de Claudia Gray. É o primeiro de uma série destinada a jovens adolescentes.
Bianca, uma menina que vem de uma família de vampiros, e Lucas, um jovem Caça Vampiros, protagonizando uma história de amor muito perigosa, porém viciante.

02. Stargazer - Claudia Gray
Bianca cursa o colegial em um prestigiado internato para vampiros, Meia Noite. Há algo, no entanto, que a distrai de suas responsabilidades academicas: ela está perdidamente apaixonada por Lucas, um membro da Cruz Negra, o clã de caça-vampiros mais poderoso da terra. Lucas estudou em Meia Noite no curso anterior, mas se viu obrigado a fugir quando descobriram suas verdadeiras origens. Agora faz mais de 6 meses que Bianca não tem recebido noticias suas, e já não está mais suportando sua ausência. Mas ainda há algo que pode complicar as coisas mais ainda para ela: um espectro apareceu em Meia Noite com a intenção de revelar os segredos mais obscuros de seu passado.

Mais informações sobre as séries, eu posto aqui ;D





Radiance - Alyson Noël

 E nossa grande autora de Os Imortais está prestes a lançar uma nova saga de livros, desta vez sobre Rylei - a irmã de Ever (:

-Bem vindos a Aqui e Agora-
 Riley Bloom deixou sua irmã, Ever, no mundo dos vivos e cruzou a ponte para o pós-vida – um lugar chamado Aqui, aonde o tempo é sempre Agora. Riley e seu cachorro, Buttercup, foram reunidos com seus pais e estão acabando de se acomodar para uma morte boa e relaxante quando ela é convocada ao Conselho. Eles a contam um segredo – o após-vida não é simplesmente uma eternidade de lazer; Riley tem que trabalhar. A ela foi designado um trabalho, Coletora de Almas, e um professor, Bochi, um menino curioso que ela não consegue entender muito bem.
 Riley, Bochi e Buttercup voltam a terra para o primeiro trabalho dela, um Menino Radiante que tem assombrado um castelo na Inglaterra por séculos. Muitos Coletores de Almas tentaram fazer com que ele cruzasse a ponte e falharam. Mas ele nunca conheceu Riley…



Eu particularmente não gosto muito de spin-offs (acho que é assim que escreve O_o), mas não sei, talvez esse seja legal. Porém, pela sinopse, parece meio A Mediadora :s Não sei, é esperar pra ver então ;D
Joiin :)

sábado, 30 de janeiro de 2010

Dark Flame | Os Imortais

Sinopse: Na tão aguardada continuação da série best-seller “Os Imortais“, Ever se esforça para ajudar sua amiga Haven em sua transição para a vida de imortal – tentando evitar que ela coloque-os em risco, enquanto tenta aumentar seu controle contra seu inimigo, Roman, para que ela enfim obtenha o antídoto que permitirá que ela e Damen fiquem juntos. Mas quando o feitiço dela dá errado, resultando em um estranho pulso que a prende a Roman, Ever recorre a Jude e magia negra, tentando desesperadamente se livrar da maldição, arriscando tudo o que ela conhece e ama – incluindo seu amado Damen.
 
O livro será lançado em julho de 2010 ;D

Sentar e esperar? Definitivamente não.

Com o tempo você aprende que não importa o quanto você chore, o quanto você se revolte e o quanto você brigue - o tempo não volta. Você se dá conta de que levar um fora é parte da vida e não adianta nada você sentar e chorar litros por isso. Você tem de erguer a cabeça e pensar que esses são riscos que você corre e que se aconteceu assim, pelo menos você teve coragem o suficiente para declarar seus sentimentos. Você realmente vê que não compensa brigar com seus pais porque você um dia vai acabar dando razão pra eles, que desprezar amigos por causa de namorados é ridículo, pois namorados dificilmente sobrevivem ao tempo, mas os amigos sempre estarão do seu lado quando esse namorado for embora. Você aprende que é mais importante dar valor aos seus principios e ao que você pensa de si mesmo do que o conceito que os outros tem de você. O que importa é o que você realmente é e o que os outros pensam disso é um problema inteiramente deles. Não adianta nada mudar por um amor ou para ser aceito por alguém, você se valoriza muito mais dando-se a chance de ser você mesmo e ser feliz fazendo o que VOCÊ quer e sente vontade. Você toma consciência que se você respeitar vai se dar muito melhor na vida do que se não o fizesse. O respeito é o primeiro passo para o sucesso. Você enxerga que levar desaforo para casa é a coisa mais horrível do mundo, mas que algumas vezes é necessário, pois você poderia se arrepender de coisas que disse no calor da hora. Que amizades na adolescência raramente sobrevivem ao tempo, mas que nada é impossível se você tiver esperança e tentar fazer algo para mudar as estatísticas. Você finalemnte vê que a vida é curta e que dela nós não levamos nada exceto nossa essência e que deve-se vivê-la por você mesma em jamais em função do que acham os outros, pois a vida é SUA e a sua história é VOCÊ quem escreve.

By: Amanda Steilein:*

Promoção no Blog da Bellinda ;D

O blog Diário de Bellinda esta sorteando um livro ;D
Corram lá e participem, tipo, é beeem simples e fácil, não vai cair o dedo né gente ^^

Promoção aqui.

Resumo Final de Shadowland - Os Imortais

Okey, Rylei (a irmã fantasma da Ever pra quem esqueceu :D) quer que Jude seja o intermediário entre as duas (ele pode ver os fantasmas que atravessaram a ponte). Até aí tudo bem. Damen sumiu da história por enquanto e Ever esta meio confusa com relação a ele e Jude.
Ever deu uma festa de despedida para Miles na casa dela (Miles, o amigo gay *____* ; vai para a Itália) e nesta festinha, Jude vai tmb, assim como Roman e seus dois recentemente criados imortais (com a tatuagem a cobra, oq significa imortais 'clandestinos' ou até então, só quem tem tatuagem é imortal mauzinho :D) enfim, antes da festa começar, as gêmeas, Romy e Rayne aparecem e dizem que elas precisam da ajuda de Ever, pq os poderes delas estão voltando e o poder de Rayne é pressentir as coisas boas e ruins, e ela não esta sentindo nada om em relação a Roman criar mais imortais. Então Ever corre até a loja e pega o livro com Jude junto e depois disso (agora sem Jude :D) ela faz um ritual que viu no livro (um ritual estilo Zoey da HON, tipo, envocando os elementos e fazendo pedidos a eles) e então ela faz esse ritual porque como ela fez visualizando Roman pedindo desculpas e entregando o verdadeiro antidoto a ela, então todo o feitiço dela com Damen não poderem se tocar vai por água a baixo, se desfaz completamente. Porém, as gemeas adentram no quarto dela e a impedem de quebrar o círculo no isntante que Ever iria faze-lo. Elas dizem que Ever acabou de cometer uma grande cagada, pq a fase da lua daquele dia era escura e nessa fase não se deve fazer nenhum tipo de ritual com magia - exceto se vc quiser envocar magia negra. Traduzindo: Ever f*deu com tudo ainda mais. Ela invocou a presença de Roman na casa dela. Tipo, nada legal. Então, Roman aparece de mãos dadas com Haven (sim grande caquinha). Ever não tira os olhos de Roman a festa inteira e quando ele finalmente vai embora com Haven de um jeito um tanto misterioso, que logo depois Ever descobre por Miles que ela vai ter uma leitura com um amigo de Roman; Jude convence Ever de que la esta se estressando demais e os dois vão para a jacuzzi, onde (tcharãã *__*) Ever e Jude se beijam *-* Ela beija ele para tentar seconvencer de que ela não sente nada por Jude, porém ela quebra a cara enquanto os dois se beijam, pq ela esta completamente absorvida nos lábios dele. E como sempre aocntece, uma ligação do celular de jude interfere o, como ela mesmo chamou no livro, transe deles. Jude se levantou para alcançar o celular e Ever avistou, localizada discretamente em suas costas, a tatuagem Ouroboros de Jude. A tatuagem Ouroboros que Roman atribuiu aos seus imortais :O E agora adivinha quem era no telefone? Ava. Ela disse que não tinha tempo para explicar, mas Ever precisava correr porque Haven estava quase morrendo por causa de Roman. Siiim, grande caca, mas sinceramente, acho que é uma cilada (como estou fazendo esse resumo enquanto leio e bem, a coisa ficou tão tensa que eu tive que resumir para não deixar passar nenhum detalhe, qualquer coisa eu acrescento depois) pq logo em seguida a autora descreveu que houve sons de luta e Roman pegou o telefone de Ava dizendo que Ever precisava correr se quisesse salvar a vida de Haven. Obviamente Ever correu ao encontro de  sua melhor amiga depois de dizer a Jude para ir embora e quando este a seguiu e cometeu o ultraje de tocar em seu ombro, ela deu um soco nele e saiu da casa correndo. Ao mesmo tempo em que Ever chega no local (que eu ainda não descobri onde é O_o) Damen chega tmb. Okey, acabei de descobrir que eles estão na casa de Roman. Visualizem (: Quando Ever entra encontra Haven deitada no sofá, pálida e fria, quase morrendo e depois de um logo discurso de Roman, ele diz que para ele dar a Ever o que ela quer, o antídoto pq o ritual dela não funcionou, ela precisa provar que Ela e Roan não são iguais, ela precisa deixar Haven morrer (Pq Roman simplesmente a tornaria imortal) e Ever sofre todo um debate interno e externo, pq Roman caogi ela a escolher, Damen e Ava (uma aparentemente arrependida Ava) dizem a ela que é errado transformar Haven, ser imortal é contra a ordem natural das coisas, para um imortal o destino depois da morte não é Summerland, e sim Shadowland, a morte da alma acontece. Haven praticamente morre e no último segundo, quando o cordão que liga a alma ao corpo esta rompendo, Ever faz Haven beber o elixir. Okey, depois de todo o drama, Ever e Damen estão na praia, Ever curtindo uma grande nostalgia quando Damen abraça ela e diz uma coisa tão linda que eu tive que traduzir e postar aqui: "Como posso perdoar uma garota que ama tanto sua amiga que não pode deixá-la partir? Como posso perdoar uma garota que sacrificou a única coisa que desejou durante todos esses anos? Perdendo a imediata esperança de poder estar juntos
para que a amiga pudesse viver? Como posso perdoá-la é isso que você pergunta?" (Ele se refere ao amor admirável de Ever por sua amiga, pelo sacrifico do que ela mais deseja pela sua amiga, pq quando Ever decidiu salvar Haven, ela sacrificou a possibilidade de Roman dar a ela imediatamente o antídoto para ela poder finalmente tocar Damen.) E depois de uma conversa super romântica Ever conta a Damen sobre a tatuagem de Jude, onde Damen pergunta se a tatuagem é exatamente igual a de Roman, e ela diz que não sabe dizer e Damen explica que Jude tem apenas uma apreciação a arte corporal e à ela. Tipo, fico no ar que Jude pode provavelmente não ser um imortal, pq eles podem ver a aura dele e ouvir pensamentos e tudo o mais. Ever diz a Damen que ela sempre escolheu ele, sempre foi Damen e que de novo será. Os dois decidem ficar juntos - mesmo que ainda não podem se tocar; e o livro termina com eles contemplando o oceano.
Espero que tenham gostado do resumo e devo dizer que eu gosto do Jude (mas ainda prefiro o Damen) e acredito na inocência do garoto, sendo assim, ainda acredito que a tatuagem Ouroboros é apenas uma tatuagem que, como disse Damen, significa criação e destruição, onde o bando de Roman distorceu totalmente o significado. Ainda acho que Jude é um mero mortal :) Afinal, se ele fosse mal porque Rylei iria querer ele como intermediário entre ela e Ever, uh?
Enjoy :P

domingo, 24 de janeiro de 2010

Um velhinho rico resolveria?

Preciso compartilhar isso com vocês :)
Ontem, sábado (23/01) minha melhor amiga e eu estavamos conversando no quarto do meu irmão de 13 anos enquanto víamos ele jogar Need For Speed Carbon jogo mega legal, por sinal e ela estava comentando que o namorado dela queria comprar um Opala, coisa que ela abomina, já que ela odeia carros antigos, que ela chama de velhos, e ela me perguntava qual era a graça de ter um carro velho. Meu irmão defendia carros antigos como Camaros e Mustangs com unhas e dentes e admito que eu também gosto de Camaros. Então eu comentei que carros antigos além de serem velhos, custam os olhos da cara. Ótimo, o papo continua nesse tópico quando eu de repente falo: 'Se nada der certo na minha vida, eu simplesmente caso com um velhinho rico, de preferência que esteja nas últimas e se não estiver, damos um jeito nisso.' Claro que era brincadeira e antes de começar a rir minha amiga olha pra mim com seus olhos arregalados e diz: 'Viu Rapha nome do meu irmão onde é que ela anda aprendendo essas coisas?! Amiga, acho que tu ta andando muito comigo!' Meu irmão me lança um olhar de descrença, balança a cabeça e volta a jogar Need.
Te amo amiga (L) Você que compartilha planos malignos comigo *-*

Nada melhor...

...que estar com os amigos.
Seja para conversar no banco da praça da gigantérrima cidade de Schroeder Meus friends xeredenses ficariam orgulhosos se visse que eu não precisei olha no uniforme da escola pra saber como escreve o nome da cidade! *_*, seja para rir e comer pipoca na varanda da minha casa, seja pra assistir um filme e desarrumar toda a sala e pirar a mãe de alguém, seja andando pelo centro de Jaraguá e ir no cinema do Shopping, seguido de uma rodada de batata frita e coca, seja apenas para se jogar na cama e confessar para sua melhor amiga que você esta afim daquele carinha ou então chorar porque ele terminou com você, seja para ir até a padaria e conseguir cometer vários king-kongs no caminho, os quais apenas são suportáveis porque você esta acompanhada de seus amigos ou simplesmente porque a vida é muito complexa para você sequer dar importância a questões tão banais como um mico ali e outro cá.
Seja pra rir, seja pra chorar, os amigos são simplesmente nosso porto seguro, com quem sempre podemos contar, aqueles que não irão te julgar e sim abrir seus olhos - aqueles que falam com você porque gostam de você e não por causa que dividem a mesma casa e compartilham o mesmo DNA.


Sabe, emails ._.

Sério, qualquer coisa, dica de livro, assunto pra postar ou simplesmente necessidade de alguém para conversar anonimamente (x manda um email pra mim que eu respondo TODOS.

amandas-94@hotmail.com

Pode perguntar pras meninas lá que já me mandaram emails, eu sempre respondo com o maior carinho e atenção <3' porque o blog foi a melhor coisa que eu já fiz ._.

Beijos pra todos !

Jogando tudo pro ar!

Não venha dizer que pelo menos uma vez na vida você já não teve vontade de chutar todo mundo e sair correndo e gritando 'Viva a revolução!'. Você estaria mentindo discriminadamente. Quem nunca teve vontade de esganar aquele professor chato na aula? Aquele que vive faladno sobre como a vida dele é difícil é como é foda quando o gato faz xixi no sofá. Sério, a gente esta lá aguentando horas com a comissão traseira grudada na cadeira [/tá bom, como se você ficasse sentado o tempo todo] pra aprender algo produtivo que realmente ajudará na nossas vidas ou para aprender o melhor jeito de limpar manchas de macarrão de uma camiseta pólo? É frustrante. As vezes dá vontade de simplesmente jogar os cadernos no chão, dizer um palavrão muito feio e sair da sala. Ou então aquela pessoa seriamente irritante que não para de perguntar como você esta, sendo que você já respondeu um milhão de vezes que esta e que não precisa de nada. Um dia desses eu simplesmente jogo um lápis acidentalmente em alguém.
Por favor, se você não quer receber uma resposta espertinha recheada de sarcasmo e irônia, não me peça pra ficar calma quando estou na TPM. E muito menos diga: 'Tá de xico né?' essa frase que os meninos meus amigos gostam tanto de usar quando estou, digamos, meio exaltada. Isso é só deprimente e te deixa com cólicas de dar um soco no santo que disse a gloriosa frase.
E pra finalizar: quem nunca sequer pensou em fugir de casa e largar tudo? Sério, uma vez eu cheguei até a fazer as malas, sendo que quando eu tinha 3 anos minha mãe me conta e nósrimos horrores até hoje eu cheguei a realizar meu plano de liberdade.
Quem nunca quis jogar tudo pro ar?


Lost

E quem passa a noite assistindo o filme da Globo porque não tem mais nada na MTV Brasil pra assistir nesse horário e o pai da Srta aqui presente se nega a comprar Sky ou Net assim como vai resolver colocar adsl só nos próximos meses, seguido do extremamente irritante Jornal da Globo sério, pra que tanto telejornais? pra enfim poder assistir à tão esperada e confusa 4ª temporada de Lost Perdidos, se fosse Sbt Hihi' ? Eu faço isso! Mas só depois que acaba a série no Sbt e depois vai pra Globo assisti BBB porque gente, as pessoas precisam sobreviver com algum Reality Show, elas precisam saber que tem mais gente se fodendo no mundo do que apenas elas! E depois rezo mil orações para ter um filme descente na Globo em no Sbt pra dar pra aguentar acordada até começar Lost porque só aluguei as três primeiras temporadas e quando o cara com quem meu papis aluga fez uma grande confusão na terceira temporada, gravando episódios alternados nos cds e faltando o último epidódio aquele que o Ben move a ilha eu desisti de desembolçar meu suado dinheirinho pra correr esse rico e esperei a Globo ter uma acesso de gentileza e passar na tv.
Posso dizer uma coisa? Eu somente ODIEI quando assassinaram o Mr Eko. Eu tinha uma coisa com esse personagem, ele era legal. Eu amo o Desmond 'brother' e adorei que ele conseguiu sair da ilha e ficar felizes para sempre com a Penn e o Charlie, filhinho deles *-* que se vcs repararem bem, é CHARLIE e não CHARLES como o avô dele, então eu acho que o Des coloco Charlie pra homenagear o Charlie que morreu afogado, não o pai da Penn que ambos odeiam. Questão de lógica colega ;D MAno acabei de ler um tópico, sabe arrecandando assunto pro post e mimimi, e vi rum,ores de que o Charlie tá vivo o_o eu disse que é confuso, viu.
Eu não sei se odeio ou gosto do Ben. Quando eu começo a gostar dele, ele vai e pá, faz a burrada do século, quando eu começo a odia ele de novo e vai lá e salva o mundo. Mano, decidi me manter neutra porque isso sim é que deixa uma pessoa louca. E a Ana Lucia que eu vi a atriz no Velozes e Furiosos 4 e foi aí que descobri o porquê de terem aniquilado ela da série. Eu gostava dela também.
Estou torcendo para continuarem passando a 5ª temporada porque, como todos sabem, a 4ª e 5ª temporadas ficaram com apenas metade dos espisódios, sendo que uma foi exibida no começo do ano passado e outra no final, por causa da odiável, desprezível e horrenda greve dos roteiristas. E em fevereiro começa a 6ª e última temporada em canal fechado *_* Minha tia assiste e me conta tudo HÁ! :) Sério, só espero que não morra todo mundo. E mano que fim deu o Vincent? Sabe, o cachorro? Não vejo mais o cachorro. Enfim, Lost sempre foi confuso e não seria agora que iria mudar.  :)


Modinhas

Aquela euforia toda em volta de um filme, de um ator geralmente super lindo do momento ou de algum livro [tosses] não estou falando de Crepúsculo [mais tosses] eu odeio. Sério, odeio modinah e é por isso que eu não curto muito quando abro uma pg de notícias na internet e descubro que tal livro maraa vai virar filme. Okey, admito que algo lá no fundo do meu peito - beeeem lá no fundo; fica animado com isso e até me permito uns olhinhos brilhando e um coração aceleradinho de expectativa, mas eu não gosto porque é sempre decepcionante. Toda uma divulgação e mimimi, cheio de meninas histéricas gritando Edward eu te amo pro Robert Pattinson exemplo gente - coisa que eu acho muito, mas muito tosca porque convenhamos, EDWARD é o personagem. Quem é lindo é o ROBERT, não o Edward. Lidem com isso. Todo um mundo de brindes e camisetas quando o filme sempre decepciona os fãs dos livros. Isso é tão típico que é irritante, mas mesmo odiando, eu não consigo deixar de assistir ao filme ¬¬ Sim, eu sei., duplamente trágico.
E o pior de tudo é depois que uma coisa faz sucesso é que aparecessem outras, no tópico vampiros, eu particularmente gostei mil vezes mais dos livros que apareceram depois do fenômeno Crepúsculo, histórias bem mais elaboradas, mais dramáticas e menos paradas, com mais ação. E isso pra quê? Pras pessoas com cabeças fechadas demais que não aceitam coisas diferentes dizerem que e tudo é um plagio, que é tudo copiação? Fala sério, como se fosse a Steph quem inventou a leitura de pensamentos e os vampiros. Umpf, o prof Xavier dos X-men já fazia isso a eras, minha gente, façam o favor de se conformar. É muito fácil sair por aí e dizer aos quatro ventos que isso é copiação daquilo quando isso foi lançado décadas antes e só agora que teve a devida divulgação. Sério, isso me irrita profundamente.
Não estou criticando ninguém, quem sou eu pra fazer isso, mas por favor, antes de dizerem algo sobre tal coisa, procurem saber sobre o que estão criticando, as vezes as pessoas se enganam e passam por ignorantes sem nem perceberem isso. E eu não sou estressada assim, okey. Isso é só um momento de raiva reprimida. Beijos:*

Saudade /

Sabe aqueles amigos que você fez no prézinho na minha época era prézinho e não primeiro ano. ugh que coisa mais adulta para crianças de 5 anos ¬¬ ? Aqueles que você lembra até hoje, mas que sabe que talvez nunca mais veja? E se ver, com certeza não vai lembrar porque faz eras que vocês não se veêm?
Eu estava vendo umas fotos essa semana, umas que eu tinha do pré que pai que nunca foi na escola tira foto do filho no pré, uh? e me bateu uma saudade de uma amiga que eu tinha que sempre andava comigo na escola e nós íamos pra aula juntas... Achei ela no orkut faz um tempo, mas é difícil você restabelecer uma relação com uma pessoa que faz 10 anos que você não vê e nem fala. É difícil porque nós éramos melhores amigas e agora simplesmente não flui assunto nenhum a não ser em algumas raras vezes, algumas raras conversas no msn quando resolvemos lembrar daqueles tempos.
Há um ano eu tinha um círculo de amigos que eu considerava bom e no fim das contas eu estava errada. Insanamente errada porque na primeira oportunidade, tudo se dissolveu. Uma amiga que eu considerava eterna me apunhalou na primeira oportunidade que teve e assim foi acontecendo sucessivamente até restar apenas uma. A minha MELHOR amiga hoje. Eu sei que posso confiar nela e eu sei que ela também confia em mim, porque ela já teve várias oportunidades para me esganar figurativamente, é claro e nunca fez. Um exemplo foi ano passado quando nós duas conseguimos a façanha de arranjar briga na escola. Não processem, não foi culpa nossa. A namorada do nosso amigo que era ciumenta demais e veio tirar satisfação com a gente em um bando de cinco garotas corajosa a menina né? e em vez de uma sangrar a outra, eu defendi minha amiga e ela me defendeu assim como nosso melhor amigo e namorado da minha melhor amiga, agora ex, mas enfim. e até o namorado da garota enciumada que é nosso melhor amigo também fizeram, sendo assim que não chegamos a sair nos tapa, mas quem venceu dialogando fomos nós oll ain que classe ._.
É incrível como as pessoas crescem, como as crianças amadurecem juro que não era pra rimar :) e assim simplesmente é a vida. Sinceramente eu não gostaria de voltar no tempo se não fosse apenas para reviver aqueles momentos porque eu realmente não me arrependo de nada. Cada coisa que eu disse, cada burrada que eu fiz, tudo serviu para formar meu caráter e minha essência. Apesar de ter apenas 15 anos, eu definitivamente sei o que é certo e o que é errado, o que é bom pra mim e o que não é. E de uma coisa eu tenho absoluta certeza: são nos nossos erros que nós crescemos.

Amanda Steilein (y)

Gossip Girl *_*

E estréia amanhã (25/01) às 21:00hrs no Sbt, Gossip Girl *_* E logo em seguida uma pré-estréia da quinta temporada de Supernatural odeio traduzir os nomes então fica assim.
Não perdi um espisódio sequer de Supernatural, até porque fiquei quase surtada durante DOIS ANOS assistindo e reassistindo as reprises da primeira temporada e quando começou a ser exibida a segunda nas madrugadas de domingo, eu resolvo estudar de manhã ¬¬ Trágico, trágico. Mas então, para felicidade geral da nação, nosso excelentíssimo Silvio Santos resolve exibir séries consagradas no horário nobre e Supernatural é exibido todas as quatro temporadas numa paulada só! Babei litros. Sério. E agora tem um preview tomara, tomara que seja o primeiro episódio da quinta temporada, o que significa que o Sbt tem os direitos autorarias da quinta temporada *_* Sem contar que ele tmb tem os direitos do Vampire Diaries e cara, Eleventh Hour é muuito cool. Só eu que reparei que o Sbt ficou muuuuuito³ melhor depois que o Roberto Justus foi pra lá? Hm. :D






Enjoy e vamos dar audiência ao Sbt! (L)

Lua Nova

E finalmente depois de muita espera eu assisti Lua Nova e acreditem ou não, eu gostei mais do que gostei de Crepúsculo. Claro que não foi aquela coisa que eu assisti e disse: 'Nossa, mas como é idêntico ao livro!'. Porque não, não é. Geeente, a votação pra saber se a Bela vira vamp ou não é numa mesa de vidro - não na escada dos Cullen. Odiei quando o Jake atendeu o telefone e fizeram parecer que ele era um idiota ciumento. Povo, no livro que eu li duas vezes ele realmente, realmente acha qeu é o Carlisle e não Edward. E os lobos aparecem mais. E a Itália é mais emocionante. E eu fiquei decepcinada. Pelo menos a Victoria tem um cabelo vermelho perceptivelmente vermelho nesse filme.
Esperando Eclipse que promete ser melhor *_* Principalmente com a mudança da atriz que interpreta a Victoria. E com a disputa pela Bela entre Jake e Ed *_*

Beijoos ;*

sábado, 23 de janeiro de 2010

Resumo de Shadowland :)

Gente, sabe aquela visão que a Ever e o jude compartilharam (aquela que o Damen pego tipo, no flagra); então, agora que edu pra entender melhor o que foi: Jude quer Ever. Tipo, assim como Ever quer o Damen. E vcs vão entender o porquê quando lerem o cap 31 que eu postei aqui em baixo. :O Teeeenso. E diabos, eu ainda não consegui entender se o Jude é ou não é imortal O_o sério, é confuso pq tem uma spartes que parece que é e outras que não O_o qnd tiver certeza - eu aviso.
Jesus. O cap 31 é muuuuito tenso. Extremamente tenso, na verdade. Cheio de revelações.Vou postar o capítulo 31 inteiro aqui porque não existe meio de resumir uma coisa tão revelador acomo essa :x

*Como escrevi isso antes de ler a parte que diz que o Jude não é imortal, bom, O JUDE NÃO É IMORTAL, É SÓ UM GAROTO NORMAL, COM PROBLEMAS NORMAIS, QUE É CAPAZ DE VER FANTASMAS (e a Riley, irmã da Ever para quem esqueceu, quer que Jude seja o intermediário entre ela e Ever). :D

Tradução mecânica gente, não briguem cmg se tiver alguma coisa sem nexo o_O

CAPÍTULO 31

Caímos para a frente, as mãos quando aterrou no chão fazendo um baque. Ao tomar um momento para olhar ao redor quando eu digo "Oh, meu Deus presente é ... "


"Amsterdam". Ele acena, seus olhos apertados como se satisfizerem os


nevoeiro. "Só não o Amsterdam real, a versão do Summerland. Tomei a


verdade, mas eu pensei que essa viagem seria mais curta. "


Eu olho ao redor dos canais, pontes, moinhos, campos de tulipas


vermelho, perguntando se ele criou a última parte para mim, então me lembrei que a Holanda é


famosa por suas flores, principalmente tulipas.


'Você reconhecê-lo, certo? " A questão cuidadosamente considerado quando se


Eu agito minha cabeça. "Dê-lhe algum tempo, e você vai. Eu recriados, como mencionei no


século XIX, quando você e eu estivemos aqui a ultima vez. É uma cópia muito boa. "


Ele leva-me a um lado da rua, parando o tempo suficiente para permitir que um carro


passagem de vácuo, antes de seguir para uma loja pequena, a porta aberta


par, enquanto uma multidão de pessoas se reuniram dentro de rosto alegre. Ela parece


cuidadosamente, ansiosos para ver se ele causou uma memória, mas eu a pé, querendo


ter uma idéia sobre o meu próprio, tentando imaginar o velho eu neste lugar,


cabelos ruivos, olhos verdes, andando entre estas paredes brancas, piso de madeira sob a minha


pés, de frente para a linha de tinta espirrada no perímetro através dos padrões


começando a desaparecer nas bordas antes de voltar a fortalecer novamente.


Sabendo que Damen é responsável por manter tudo isso aqui, tendo


expressaram a sua própria existência.


Eu passo ao longo das paredes, em uma recriação da galeria onde encontramos


pela primeira vez, embora ele estava desapontado que não tinha o menor


família. Tomando nota da forma como todos os retratos desfigurados e descoloridos até


e são completamente invisíveis, exceto uma que estava diante de mim, a única


permaneceu intacto.


Eu me inclino para a frente, estreitando os olhos para uma menina com cabelos grossos


marrom dourado uma mistura glamourosa de vermelho e marrom fazendo um bom contraste para


sua pele macia pálido. Pintado em uma forma tangível, tão suave, tão atraente.


Meu olhar percorre o comprimento do mesmo, vendo que ela está nua, mas


estrategicamente cobertas.


As pontas dos cabelos estavam molhados, caiu sobre os ombros e ressaca


acima da cintura, enquanto as mãos apoiadas em cima de uma coxa-de-rosa


Eu estava virado ligeiramente rosa.


Embora os meus olhos foram capturados em um verde intenso e mantendo um olhar tão fixo,


aberta, como se estivesse procurando um amante, não tinha o menor constrangimento


Foram presos no Estado.


Eu senti cólicas no estômago, enquanto o meu coração começa a bater, e embora eu sou


ciente de Damen está lá ao meu lado, eu não posso vê-lo. Eu não posso ver.


Algo estava rastejando em mim, o nascimento de uma idéia que puxa, empurra, exigindo que eu


reconhecer. E antes mesmo de piscar, eu vejo isso. Tão certo como vejo o quadro


ouro ao redor da tela, sei que a mulher está me! O ex-auto.


A Holanda é comigo.


Musa do artista que eu sou o autor Damen noite quando nos encontramos neste


galeria.


Mas o que me preocupa, o que me mantém a calma e congelados, eu entendi


de repente, que o amante é Damen invisível. É outra pessoa. Alguém invisível.


"Assim, reconhecer a voz do Damen era suave, sem ser absolutamente espantado


então eu fiz. "É pelos olhos, certo?" Ela olha para o rosto muito perto de mim


quando acrescenta: "A cor pode mudar, mas sua essência continua a mesma." Miro,


cuidadosamente a sua espessura, pestanas escuras, o anseio de incitamento em seu olhar


mim, me trouxe de volta rapidamente.


? Quantos anos você tinha? Sem confiança e minha voz soou por minhas palavras. O


rosto de uma menina, apesar de confiança foi a de uma mulher não uma garota.


"Dezoito". Ele acena, enquanto outros estudos. Eu queria ser o primeiro dos


dois em dizer isso, ele terminou de falar com ele para dispensar a esta tarefa.


Depois de olhar para a pintura, acrescentando: "Você estava linda. Really. Like


desta tabela. Eu peguei o perfeitamente. Como você estava, então?.


O tom eo volume de sua voz revelou tudo o que suas palavras só insinuada. Ele


conhecia a identidade do artista. Eu sabia que havia antes dele, que me despir.


Engoli em seco, olhando ao tentar fazer sentido do doodle preto,


ângulo na parte inferior do canto superior direito. Decodificação de uma série de


consoantes e vogais, uma combinação de letras que não significam nada para mim.


"Bastiaan de Kool" Damen disse, olhando fixamente.


Dirijo-me satisfazer os meus olhos dela, incapaz de falar.


"Bastiaan de Kool é o artista que pintou isso. Eu pinto você." Ele se vira para o retrato, a sua


olhos vaguear sobre a imagem novamente antes de voltar para mim.


Eu aceno de cabeça, sensação de luz, tudo tonto uma vez pensei


sabia sobre mim, sobre nós, todo o fundamento da nossa vida, de repente frágil


e fracos.


Damen acenos, não há necessidade de insistir. Ambos reconheceram o


verdade aparece logo antes de nós.


"Em caso você estava pensando, foi concluído antes da pintura, mesmo


estava seca. Ou pelo menos é isso que eu acredito mesmo. "Ele balança a cabeça." Mas


Agora, bem, eu não tenho certeza. "


Fico de olhos arregalados, sem compreender. O que poderia ter essa caixa da


que a versão antiga do século de mim e que nada tem a ver com a gente no


hoje?


"Quer saber?" Ele pergunta, com os olhos turvos, distante, difícil de ler.


"Bastiaan?" Eu gostei do nome estranho em meus lábios.


Damen acenos, pronto para mostrá-lo apenas se concordar.


Mas assim como eu estou a ponto de recusar, põe a mão no meu braço e diz: "Eu acho que


deveria. Só parece justo ".


Sigh, concentrando-se no calor de sua mão enquanto ele fecha os olhos em profunda


concentração, apelando para um alto, magro, ligeiramente desgrenhados em um


espaço que anteriormente era vazia. Largue o meu braço quando longe, dando-me o suficiente para


estudá-lo, observá-lo, antes que o tempo se esgote e se desvanece.


Eu mover lentamente em direção a ela, pisando em círculos em torno deste espaço em branco


oco estranho, luminoso, criando vazio, sem alma, irreal. Tomando nota das suas


características abruptamente altura faz com que pareça ainda mais fino, seus músculos


ossos levemente recheado de roupas foram limpos e de qualidade decente, pendurado


perturbado ligeiramente forma caótica, a pele era tão pálida e quase perfeito


coincidiu com a minha, enquanto seu cabelo era escuro, cabelo ondulado em uma


lado, muito caiu pesadamente sobre um par de olhos.


Ofegante, forçando o ar em meus pulmões e quando ele desaparece, Damen me olha,


"Você quer que eu restaurar novamente?". Obviamente, eu odiava isso, mas estava disposta


Se eu perguntei.


Mas continuei ali, olhando para um vórtice de vibração e


pixels, em breve desaparecer completamente. Sabendo que não precisamos


ressuscitar, nós sabíamos quem ele é.


Jude.


O indivíduo em pé diante de mim, o artista holandês chamado Bastiaan


Kool no século XIX e século XX foi reencarnado como Judas.


À procura de algo para acalmar os meus sentimentos a vácuo instável, perdi o equilíbrio. Quando eu


percebe tarde demais que não havia nada para prender sobre até que Damen


move-se rapidamente para o meu lado.


Sempre! "Eles gritaram, em voz tão forte que ecoa em meu coração, braços


apertado em volta de mim, proteger-me de uma forma que me sinto em casa.


Expressando um sofá macio plush onde me guiar por mim para se sentar, seu olhar


settles em mim, ansioso, nervoso, não tinha intenção de perturbar esse.


Eu me viro, prendendo a respiração quando meus olhos se encontrar com ele, temendo


encontrar algo diferente, agora que tudo está exposto. Agora nós dois sabemos que


nem sempre foi só ele.


Uma vez que não havia outra pessoa.


E hoje eu conheci.


? Eu não ... "Eu agito minha cabeça, um sentimento de vergonha, culpa, como se


Eu tinha traído de alguma forma inconsciente, sem o saber. "Eu não tenho certeza


o que dizer, eu ... "


Damen balança a cabeça, a mão no meu rosto. "Não pense sobre isso", diz ele.


"Nada disso é sua culpa." Do you hear me? Não é assim. It's just karma. " Ele faz uma pausa e


detém o seu olhar no meu. "É apenas negócio inacabado por assim dizer."


"Mas isso pode acabar?" Eu pergunto, com uma visão de que se trata e se recusar a


participar nesta viagem. "Isso foi há mais de cem anos atrás! E como você diz, ser


acabou antes da pintura, para finalizar "


Mas antes que possa terminar, está balançando a cabeça, a mão no meu rosto, eu ombro e joelho, quando ele diz: "Eu não tenho tanta certeza sobre isso."
Eu olho para ele, a luta contra a tentação de recuar. Wishing quer sair. Não mais estava quieto aqui.
"Parece que eu tomei", diz ele, com um olhar duro sobre o seu rosto, como um julgamento,
embora seja reservado para o julgamento. "Parece que tenho o hábito de intrusão
em sua vida, intervir nas decisões que deveriam ter sido sua. Empurrando-lhe um destino ... "Ele pára, aperta o queixo, olhando fixamente, embora os lábios tremem
de uma forma que revela o preço de tudo isso, "que nunca deveria ter sido o seu"
"O que você está falando?" Eu digo, em voz alta, com urgência, sentindo a energia ao redor


suas palavras, e sabendo que está prestes a piorar.


"Não é óbvio?" Ele olha para a luz em seus olhos quebrado em milhões de fragmentos como


um caleidoscópio na escuridão que nunca pode ser fixo.


Rose com um movimento rápido, o stealth até preencher o espaço na frente


meu. Mas antes que ele possa falar, antes de fazer as coisas piores, apresso-me a


dizer


"Isso é ridículo! Tudo! Tudo! O destino JUNTOU nós outra vez. Temos companheiros de alma Você disse é mesmo E! Isso ou aprendizagem, exatamente, como você companheiros alma funcionam, encontra o outro um, uma e outra tempo. Parece incrível, guarda ou custódia ".


Alcance sua mão, mas ele não tira a meu alcance, evitando contato meu.


"É o destino?" Sacode a cabeça, sua voz era Rouco, ou olhar cruel, mas ele vai para dentro. "O destino quando foi deliberadamente passou vagando EPLA Terra em busca de ti, uma e outra vez até semana para descansar a encontrar de novo?" Ele é detemir foi seus olhos encontram os meus COM. "Diga-me: em algum momento você fosse Sentiu como destino? Ou é algo como visse obrigada você? "


Começo a falar, os lábios separam não, meus mas as palavras SAEM, vendo como ele volta para a parede e olha fixamente ser uma garota. Essa garota linda e orgulhosa, Cujo olhar é mais alguém se destina.


"De maneira alguma, eu poderia ignorar tudo isso, deixa de terras que nós Quattrocento ano passado, convencido de que era nosso destino de mim mesmo, você e eu estavas feitos para estarmos juntos. Mas outro dia, quando você chegou do trabalho, senti algo diferente, uma mudança em sua energia. E à noite, na loja, eu soube ".


Olho fixamente sua posição, seus ombros sólidos, seus músculos forma fina. Lembrando que Atuou de maneira estranha em tão, tão formal e pensei que tudo isso fazia sentido agora.


"No momento em que vi seus olhos, eu soube." Ela se vira para encontrar meu olhar "Então só me diga, Ever. Diga a verdade. Em algum momento Sentiu que não se comportasse da mesma forma?


Engulo duro, querendo olhar outro lado, mas que não posso sabendo. Ele vai interpretar mal, assumindo que estou me contendo. Lembrei do momento em que me encontrou Jude em sua loja, para formar meu coração acelerou como enrijeci estranho e nervoso, juntamente com o meu não dança do ventre. Em um momento, eu estava bem e outro não era um desastre. E tudo porque você olhos verde mar profundo de Jude encontraram os meus com ...


Não pode ser, não poderia ser possivel. Ou sim?


Eu levanto-me do Móvel, Movendo-me perto dele, até que nossos Corp é a escassas polegadas de separação. Querendo Assegurar-me de uma maneira de demonstrar a ele achar que isso não significa nada.


Mas isto é Summerland. E os pensamentos são energia. E tenho medo que testemunhou os meus acabou ele.


"Não é sua culpa." disse, Rouco E com uma voz áspera. "Por favor, não se sinta mal."


Eu coloquei em dois sacos minhas mãos, empurrar tão-tão profundamente determinado a perder ou não em um equilíbrio já não é estável mundo.


"Queremos siba ou quanto eu sinto E sim., Quero ..." Sacode a cabeça "Cuidado não simplesmente desligado. Inadequada e você É absolutamente merece melhor que isso. Receio de que só coisa que posso fazer agora, é fazer como bem coisas e. .. "


Sua voz ou detemir provocou ou levantamento do meu rosto para o seu endereço. De maneira permanente, ambos tão perto que o movimento poderia violação encontros menores.


Mas quando estou um certo ponto de dar ou de salto, ele se afastar, seu olhar é estável enquanto estivesse disposto a me fazer ouvir quando disse: "Eu afastar. É o jeito que este ponto só posso fazer. A partir desse momento, já não vou interferir no mais seu destino. "


Minha visão fica apagado quente minha garganta e aperta.


Ele não pode, provavelmente, saber ou pensar. Ou pode?


Olhando-o quando isso na minha frente, Gemeos minha alma perfeita, o amor da minha vida, pessoa que eu estava certo que era meu abrigo, me deixar agora estava.


"Eu não tenho direito de interromper sua vida na forma que eu faço. Nunca te dei uma oportunidade de escolher por você mesma. E o pior é que sabe?" Olha eu cheio de auto-Aborrecimento que estou tão Pressionar que afastar o olhar " Eu nem Sequer me suficientemente ou nobre, nem homem Sequer foi o suficiente para jogar ou limpo. "Sacode a cabeça" Eu usei cada truque do livro, todos os poderes para aniquilar Concorrência e minha disposição. maneira não tenho movido passado você Quattrocento anos, sou a imortalidade impus-lhe, agora estou esperando um passo a dar-lhe permita algum pedaço de liberdade para escolher. "
"Entre você e Jude?" Eu minha abrir minha boca, levantando a voz da histeria ao ponto desejado só ter dito.
Sair em torno dele e chegar ao ponto.
Mas ele continua ali com o seu mundo de olhos cansados focada no meu.
"Bem, não há escolha! Não há escolha em tudo! Jude é meu chefe, e eu tenho o
diminuiu o interesse por ele ou eu! "
? Então você não pode ver o que eu vejo ", disse Damen, como um grande fato, uma
sólido objeto estacionado em frente de mim.
"Isso porque não há nada a fazer. Don't you understand? Tudo o que eu vejo é você!"
Eu olho para a minha visão é borrada, minhas mãos trêmulas, um sentimento tão horrível vácuo, como se a cada respiração pode ser a última. Mas assim como eu digo, Damen enfatiza a pintar novamente. O brilho de uma maneira que não pode ser ignorados. No entanto, embora ele acha que é importante, essa menina é um estranho
para mim. Minha alma, uma vez levou seu corpo, mas não é mais sua casa.
Comece a falar, querendo explicar, mas as palavras não vêm. Apenas um gemido doloroso e vai que passa pela minha mente a sua. Um som que isso significa por favor, não
fazer um som sem fim.
"Eu não vou em qualquer lugar", diz ele, imune à minha oração. "Eu sempre estarei por aí, algures lugar. Capaz de sentir e mantê-lo seguro. Mas para o resto. "
Ela sacode a cabeça, sua voz derrotada, triste, mas determinou que eles escutam.
"Receio que não pode ir, eu estou receoso que eu vou ter que ..."
Mas eles acabam não, eu não posso deixá-lo terminar, parando apenas quando
grito: "Eu tentei levar uma vida sem você, quando você voltar no tempo, e adivinhe?
O destino me enviou de volta como antes! "Meus olhos estão borrada por lágrimas, mas Não vou voltar. Eu quero ver. Eu quero que ele veja o que está me custando e qual errado do que isso.
"Mas, nunca, que não significa que você está destinado a ser comigo, talvez lhe foram enviados volta a reunir-se com Judas, e agora você ... "
"Bem, eu digo, recusando-se a deixá-lo terminar, quando eu tiver mais provas
mostrar. ? Assim que sobre o tempo que você gastou apertar minha mão,
centrando-se sobre o nosso calor e formigamento, dizendo que é exatamente o que sente
entre almas gémeas? Que tal? Não quer dizer isso? Ou apenas falou sobre Novo? "
"Ever ..." Ele balança a cabeça e esfrega os olhos. "Depois, eu ..."
"Você não entende?" Balanço a cabeça, sentir a energia, sabendo que a maioria não vai
diferença mínima, mas eu vou continuar assim mesmo. "Você não vê que tudo que eu quero é você? "
Ponha a mão na minha bochecha, seus dedos são tão suave e amoroso, um lembrete cruel
Eu não vou demorar mais tempo, seus pensamentos viajando distância de sua cabeça a mina
implorando-me para compreendê-lo e dar-lhe um pouco de tempo. Por favor, não acho que isso é fácil para mim. Você não tem idéia de como é doloroso
agir sem o menor sinal de interesse, talvez por isso eu nunca tentei antes? Ele
sorrisos, tentando soar um pouco fútil, mas eu me recuso a aceitar. Desejando que ele me sinto tão horrível e vazio como eu. ? Eu ganhei o direito de ver a sua família
Mais uma vez, colocar sua alma em risco?
Seus olhos se fecham na minha? "Mas, nunca, você tem que ouvir, você tem que entender, é o tempo para sua escolha e continuar sua vida sem a minha interferência!?
"Eu te escolhi", digo, de uma tão cansado, cansado demais para lutar "Eu te escolhi e eu não posso mais voltar atrás." Eu olho ou que, sabendo as palavras são inúteis, com seu decidido que este avião. "Damen, é sério, ele conheci há centenas de anos, numa só vida, num país que nunca voltei desde então. Grande coisa! E você e eu em quantas vidas conhecidos nos anos? Quantos?"
Me olha por um tempo e os olhos logo data, sua voz era um sussurro mal quando ele disse:
"Não foi só em uma vida, nunca." Desaparece galeria mantendo dá Moinhos de Vento e as tulipas manifesta quando Delas um mundo inteiro na minha frente de vários mundos. Paris, Londres, Nova Inglaterra, em uma linha alienados todos localizados ao longo de Amsterdã com ou centro, onde ambos pé.
Mundos permaneciam fiéis ao seu tempo, sua arquitetura, uma roupa, você precisa de Cidadãos, Povoado apenas três.
Como Eu em todas as minhas vidas, em uma humilde serva de Paris, em Londres Uma menina mimada alta sociedade da filha de um puritano com semper Jude ao meu lado. Um garoto francês, Conde-a-britânico feliz, cada um diferente do outro, movendo-se, mas eram os mesmos olhos.
E olha, focando um por uma vez, a cena bem encenada cena antes de mim. Meu interesse por Jude sempre reduzindo quando Damen quando aparece em cena, tão
mágico e emocionante como é hoje, com todos os seus truques para roubar e Take Me Away.
Eu estou sem fôlego, eu não sabia o que dizer. Tudo o que sei é que eu quero ser desaparecer. Eu confrontá-lo, compreender porque ele se sente como ele faz, mas sabendo que faz a menor diferença. Não eu. Não é a minha conta coração.
"Então você já tomou uma decisão. Fine. Eu não gosto, mas tudo bem. Mas o que
realmente precisa saber é quanto tempo estamos falando aqui? Um casal de
dias por semana? "Eu agito minha cabeça." Só o tempo é necessário para permitir a
aceitar o fato de que não importa o que aconteça, não importa o que pensam ou dizem, não importa o quão injusto que esta luta possa parecer, eu escolhi você. Sempre que eu vos escolhi a vós. Para mim, apenas VOCÊ. "
"Isso não é algo que você pode adicionar uma data, agora é a hora de se livrar de meu, o tempo para o seu seguimento ... "
"Só porque você decidiu fazer isso, só porque você quer fazer as coisas direito Apesar de o que eu digo, só porque você inventou The Game não significa que todos os regras. Porque se você realmente tem a intenção de deixar-me escolher, então você Eu escolho para terminar agora. "
Ele balança a cabeça, os olhos parecem ter se eu não me engano, um sinal de alívio.
E naquele momento, eu sei, um raio de esperança que faz meu coração disparar.
Eu odiava isso tanto quanto eu. Eu não sou o único aqui com a necessidade de ter um data de término.
"Um ano novo", diz ele, sua mandíbula apertada de uma forma que me diz é tentando ser nobre, tão ridiculamente galante. "Isso deve permitir que a abundância de tempo ".
Eu agito minha cabeça, apenas permite a você a oportunidade de terminar quando eu digo: "Concluído manhã. Tenho certeza de que vai ficar a minha decisão, então. "
Mas ele não concorda, mesmo se recusa a negociar, dizendo, "Ever por favor, nós temos nossa vida inteira pela frente se é isso que você escolher. Confie em mim, em realmente pressa nenhuma. "
"O fim da próxima semana.
Eu aceno, endurecendo a sua voz, imaginando como vou fazer, possivelmente antes.
"No fim do verão", diz ele, essas palavras finais de seu olhar encontra o meu.
Eu estou diante dele, incapaz de falar. Pensando em como eu estava esperando para o verão desde que estivemos juntos, imagine três meses de festa e diversão ao sol Laguna Beach. Sabendo que não há mais a dizer, eu vou embora. Ignorando a ponta dos dedos para querer fazer a viagem de volta juntos.
Se ele é tão determinado que eu escolho meu próprio caminho, então eu decidir fazer agora. Saindo da galeria, e virando-se para a rua fazer a minha maneira Amsterdam, Paris, Londres e Nova Inglaterra, sem olhar para trás uma vez sequer.


Nt: Gostei do Jude - concorrência a altura ;)

domingo, 17 de janeiro de 2010

Enquete .

E o povo prefere a Zoey e o Stark oll
Adooro.

Zoey: 22 (46%)
Stark: 21 (44%)

Joiin :P

sábado, 16 de janeiro de 2010

Só pra saber...

Qual foi o livro que mais marcou a sua vida?

Responda comentando nesse post :*

Fallen

Alguém deu a dica aqui no blog e nossa. Muuito legal o vídeo(: Aparentemente lá nos States há um concurso de adolescentes que dá um prêmio ao melhor vídeo/trailer de livro feito pelos teens, mas mesmo assim. Só li o primeiro capítulo de Fallen e já deu pra perceber que eles seguiram bem direitinho a linha da história do livro, o que foi bem mais legal quando vi quem era o Daniel (6' Foi meio engraçado ver o 'trailer' no comecinho, quando o livro e o trailer claramente se passam no século XIX e a garota do video com um piercing no nariz e segundo furo na orelha x_x Mais sério, vale a pna ver pq mata um pouco bastante da sua curiosidade a minha pelo menos matou. :D  Joiin (l)
Ver vídeo de Fallen no Youtube.

Trechos de Livros

"Você não pode forçar o amor, eu me dei conta. Está lá ou não. Se não estiver lá, você tem de ser capaz de admitir. Se estiver, você tem de fazer o que puder para proteger quem você ama."
(Frostbite - Pg 114 - Vampire Academy)

"Eu amo você," eu sussurro.
"E eu te amo". Ele sorri, seus lábios procurando os meus."Sempre amei. Sempre amarei."
(Para Sempre - Os Imortais)

“Eu me virei e continuei andando, mas ele me alcançou facilmente. A desgraça de ter 1,67 cm.”
(Vampire Academy - VA)

“Eu não podia parar de encarar a caverna, onde Dimitri estava, onde metade da minha alma estava. Ele não podia estar morto. Se ele estivesse, então certamente eu também estaria morta.”
(Rose Hathaway – Shadow Kiss - VA)

“E eu sai, sai para matar o homem que eu amava.”
(Shadow Kiss - VA)

“Oh, Deus,” eu disse; “Eu sou a filha de Zmey. Zmey Junior. Zmeyette, até.”
(Blood Promise - VA)

“Eu tinha um acordo sólido com deus: eu concordava em acreditar nele – somente – se ele me deixasse dormir aos domingos”.
(Vampire academy - VA)

"Se por 'devastadora', você quer dizer que deveria temer pela sua vida, então, sim. Você está certo".
(Frostbite – VA - /Rose para Adrian quando este diz que ela é devastadora com um olho roxo e roupa de frio)

"Ele não estaria vivo se tivesse feito isso".
(Frostbite – VA - /Rose para Adrian quando ele pergunta se foi o namorado dela que deixou seu olho roxo)

"Com certeza, minha beleza estonteante obscureceu sua mente".
(Frostbite – VA - /Rose para Adrian quando este questiona se ela não gosta mesmo de caras mais velhos, quando vê ela e o Dimitri discutindo)

"Dificilmente. O jeito que ele vai deixar ela em paz é se eu me oferecer para tomar o lugar dela". E hey, a amizade tem limite.
(Vampire Academy)

- "É, nós éramos fodas."
(Shadow Kiss – VA - /Rose e Christian)

“Hey Mason, enxugue a baba da cara. Se você vai pensar em mim nua, faça isso num lugar apropriado.”
(Vampire Academy – VA)

“Wow. O que ele fez para merecer isso? Resgatou órfãos de um prédio em chamas? Se foi isso, é melhor você se certificar que ele mesmo não colocou o prédio em chamas.”
(Vampire Academy – VA - /Rose para Lissa sobre o quanto Lissa esta arrumada para encontrar Christian)

“Será que você nunca vai poder sair por bom comportamento?” brincou ele.
“Claro” disse eu, por cima do ombro “Se eu algum dia ficar boazinha.”
(Vampire Academy – VA - /Rose para Jesse)

"A única coisa melhor que imaginar Dimitri me carregando em seus braços, era imaginar ele me carregando sem camisa em seus braços."
(Vampire Academy – VA)

"Eles me deixaram em paz já que eu não estava tentando bater em ninguém. Ainda."
(Vampire Academy - VA)

“Selvagem e desrespeitosa?” eu interrompi. “E quem diabos é você, afinal? Ajuda tercerizada?”
(Vampire Academy – VA - /Rose para Dimitri)

“Você contratou mão-de-obra barata estrangeira para proteger Lissa?”
(Vampire Academy – VA - /Rose para Kirova sobre Dimitri)

“Você não acha que já foi longe demais?” alguém disse.
Se eu fosse um garoto eu diria: Com a sua mãe? Mas como eu sou uma menina e bem educada, eu apenas perguntei: “Com o que?”
(Shadow Kiss – VA)

"Esse não era o Dimitri que eu conhecia. (...)Eu lutei um pouco mas estava tão presa quanto os Strigoi tinha estado quando eu e os outros estávamos caçando. O universo tem um senso de humor doentio.”
(Blood Promise – VA)

"Forçar uma criança de cinco anos a soletrar Vasilisa Dragomir e Rosemarie Hathaway era mais do que cruel, e nós teríamos – ou melhor, eu teria – respondido apropriadamente. Eu atirei meu livro na professora e a chamei de fascista bastarda. Eu não sabia o que aquelas palavras significavam, mas eu sabia como acertar um alvo em movimento."
(Vampire Academy - VA)

Ele andou na minha frente. Eu o estudei com cuidado, percebi que não podia deixar a oportunidade passar. Eu pulei atrás dele, me posicionando exatamente como ele me ensinou. Eu tinha o elemento surpresa. Tudo estava perfeito, e ele nem me veria chegando. Antes de eu fazer contato,ele girou em uma ridiculamente alta velocidade. Em um movimento, ele me agarrou como se eu não pesasse nada e me jogou no chão, me deixando lá.
Eu gemi. “Eu não fiz nada errado!”
Os olhos dele estavam no mesmo nível que os meus enquanto ele segurava meus pulsos, mas ele não estava tão sério como ele estava durante a aula. Ele parecia achar isso engraçado.
“O grito de guerra meio que te entregou. Tente não gritar da próxima vez.”
(Vampire Academy – VA)

O quão difícil seria, eu perguntava, sair com ele? Ele era legal, engraçado, e razoavelmente bonito. Nós nos dávamos bem. Porque eu fui pega por tantas confusões com outros caras quando eu tinha o cara perfeitamente doce que me queria? Porque eu não podia simplesmente retribuir os sentimentos dele?
A resposta veio até mim antes que eu terminasse de me fazer a pergunta. Eu não podia ser a namorada do Mason porque quando eu imaginava alguém me segurando e sussurrando coisas sujas no meu ouvindo, ele tinha um sotaque russo.
(Vampire Academy – VA)

“Isso não vai acontecer com você. Você é muito...” ele procurou a palavra certa, e eu, na minha cabeça imaginei várias possibilidades.
‘Linda como uma deusa. Muito quente e sensual.’ desistindo ele simplesmente repetiu: “Com você não vai acontecer."
(Vampire Academy – VA - /Dimitri para Rose)

Naquele momento, antes deu soltar, eu realmente contemplei minha morte. Eu entendi e a aceitei. Eu também, no entanto, sabia que Dimitri poderia fazer algo exatamente assim. Ele era simplesmente assim tão rápido e tão bom. Era por isso que eu estava segurando minha estaca na minha mão que estava livre.
Eu olhei nos olhos dele.
“Eu sempre vou te amar.”
Então eu empalei a estaca no coração dele.
Não foi um golpe preciso como eu gostaria, não com a forma com que ele estava se esquivando. Eu lutei para aprofundar a estaca o bastante no coração dele, insegura se seria capaz de fazer isso nesse ângulo. Então, a luta parou. Os olhos dele me encararam, atordoados, e os lábios dele se separaram, quase num sorriso, embora terrível e doloroso.
“Era isso que eu deveria ter dito...” ele arfou.
Aquelas foram suas ultimas palavras.
(Blood Promise – VA)

O chotki de Lissa estava em volta do meu pulso, e eu passei meus dedos pela cruz e pelo entalhos. Eu tentei desesperadamente colocar meus pensamentos em formas de oração, mas eu não sabia como. Se Deus fosse real, eu acho que ele é poderoso o bastante para saber o que o que eu estava dizendo sem necessariamente precisar de palavras. Horas passaram. Pessoas vieram e foram. Eu fiquei cansada de ficar sentada e eventualmente me estiquei pelo banco. Pelo teto pintado de dourado, mais santos e anjos olhavam para mim. Tanta ajuda divina, eu pensei, mas que bondade eles realmente estavam fazendo?
(Shadow Kiss – VA)

Lissa me observou, um milhão de pensamentos em sua mente. Ela avaliou minhas palavras, meu rosto, minha voz. E bem assim, ela finalmente entendeu. Ela finalmente percebeu o que eu sentia por Dimitri, que era uma ligação maior do que aluno-professor. Eu senti o reconhecimento acender na mente dela. Inúmeras conexões de repente se ligaram na mente dela: comentários feitos, jeitos que Dimitri e eu agíamos perto um do outro... Tudo fazia sentido para ela agora, coisas que ela tinha estado muito cega para notar. Perguntas imediatamente se espalharam, mas ela não perguntou nada ou mencionou o que ela tinha percebido. Ao invés disso, ela apenas pegou minha mão e me puxou para mais perto dela.
“Eu sinto muito, Rose. Eu sinto tanto, tanto. Eu não posso.”
Eu deixei ela me arrastar para longe depois disso, presumidamente para pegar comida. Mas quando eu sentei na cafeteria e encarei aquele prato na minha frente, a idéia de comer algo me fez sentir mais doente do que eu tinha estado perto dos Strigoi. Ela desistiu depois disso, percebendo que nada ia acontecer até eu saber o que tinha acontecido com Dimitri. Fomos para o quarto dela, e eu deitei na cama. Ela sentou perto de mim, mas eu não queria conversar, e eu logo adormeci."
(Shadow Kiss – VA)

(...) “Mas todo o resto... A atração – física e mental – já estava em você. E nele. Não teria funcionado caso contrário.”
(Vampire Academy – VA - /Victor para Rose)

Eu estava me apaixonando pelo meu instrutor. Estava me apaixonando pelo meu instrutor mais velho. Eu só podia estar fora de mim. Ele era sete anos mais velho do que eu. Tinha idade para ser meu... Bom, está certo, meu... Nada. Mas, mesmo assim, era mais velho do que eu. Sete anos é muito. Ele já estava aprendendo a escrever quando eu nasci. Quando eu estava aprendendo a ler e a jogar livro nos meus professores, ele provavelmente já estava beijando meninas. Muitas meninas, provavelmente, se levarmos em conta o quanto ele era bonito. Eu não precisava mesmo de uma complicação dessas naquela altura da minha vida.
(Vampire Academy – VA)

Ele encontrou meus olhos e sorriu.
“Hey Rose, bem vinda de volta. Você ainda está despedaçando corações?”
“Está se oferecendo?” Seu sorriso se alargou. “Vamos sair um dia desses e descobrir. Se você se livrar da sua condicional.”
(Vampire Academy - VA)

“Você viu aquele vestido?”
“Eu vi o vestido.”
“Você gostou?”
Ele não respondeu. Eu entendi como um sim.
“Eu vou por em perigo minha reputação se eu o usar no baile?”
Quando ele falou, eu mal pude ouvir ele.
“Você vai por em perigo a escola.”
(Vampire Academy – VA - /Rose e Dimitri)

Os lábios dele encontraram com os meus. Eu fiz um pequeno som de protesto e tentei em vão escapar do seu abraço. Ele era muito forte, e depois de um momento, eu não queria escapar. A mesma sensação de antes me inundou. Seus lábios estavam frios, mas o beijo queimava entre nós. Fogo e gelo. E ele estava certo – eu o beijei de volta.
(Blood Promise – VA)

“Eu não quero cortar meu cabelo.” (...)
“Não corte.” ele disse rude.
“Mas ninguém vai ver minhas tatuagens se eu não cortar.”
Ele se moveu para perto da porta, um pequeno sorriso nos seus lábios.
“Use-o preso.”
(Vampire Academy - VA)

“Matar você; bem, não é tão simples.” ele disse.
A voz dele diminui para um sussurro baixo de novo, como uma cobra deslizando sobre minha pele.
“Existe uma terceira opção. Eu poderia despertar você.”
(Blood Promise - VA)

“Não, eu gosto de Avery... Ela faz você sorrir mais.”
“Você me faz sorrir.”
“É por isso que acrescentei o mais.”
(Blood Promise - VA)

“Acredite no que quiser... Eu não quero mais você.”
Os lábios dele se curvaram em um daqueles sorrisos assustadores e maliciosos.
“Você esta mentindo. Eu sei. Eu sempre fui capaz de saber.”
(Blood Promise – VA - /Rose e Dimitri)

Então, sem aviso, ele caiu na neve ao meu lado, ficando ali em silêncio.
“Ok.” Eu disse quando ele não fez mais nada. “Agora você tem que mexer seus braços e suas pernas.”
“Eu sei como fazer um anjo de neve.”
“Então faça! Ao contrário, vai parecer apenas com um contorno de giz numa cena de crime.”
(Blood Promise – VA - /Rose e Dimitri)

Eu alcancei o tijolo solto que eu havia usado formalmente para invadir antes. Mas quando eu puxei, um envelope com o meu nome escrito caiu.Eu corri para o portão da frente e segurei a carta embaixo da luz. Eu vi meu nome claramente. Eu puxei um cartão preto. Em letras vermelho sangue quatro simples palavras: PORQUE EU AMO VOCÊ. Eu acariciei as palavras com a ponta dos dedos e segurei a carta no meu coração. Lágrimas caiam do meu rosto enquanto eu escapava pelo portão da Mansão. Era como se uma estaca tivesse sido enfiada no meu coração.
(Vampire Kisses – VK / Raven quando encontra carta que Alexander deixou pra ela antes de ir embora)

Manter o amor enterrado era como manter a raiva enclausurada, eu aprendi. Te corrói por dentro até que você quer gritar e chutar algo.
(Shadow Kiss - VA)

Filme Eclipse ~ Saga Crepúsculo

Assisti Lua Nova essa semana e não foi tudo aquilo que poderia ter sido, mas já foi melhor que Crepúsculo, tendo mais ação e efeitos especiais bem melhores. O que eu achei que ficou meio fora foi na Itália e tmb oq fizeram com o Jake quando o Edward telefona para o Charlie. No livro o Jake realmente acha que esta falando com o Carlisle, ele até diz que´era o Carlisle, mas no filme não, no filme ele sabe que é o edward e ele até diz 'sempre no caminho' se referindo ao Edward. Estragaram o caráter dele ali >< E o que foi aquela luta do edward com os guardas Volturi na Itália? Mano aquilo foi surreal. De acordo com a descrição da Steph da personalidade dos Volturi, se o edward tivesse se posto na frente da Bella pra impedir que a Jane machucasse ela - oq ele fez; bom, se o filme tivesse seguido a linha de pesonalidade do Aro, o Ed não estaria mais entre nós agora. E cadê a parte do aeroporto, uh? Não tem aeroporto. A Bella nem surta quando sai da sala dos Volturi, simplesmente muda para o quarto dela e ela e o edward tem uma básica DR e então ela levanta sem mais nem menos, não deixando claroq ue ela vai pra casa dele fazer a votação. Ah, e a votação não é na mesa de vidro da Esme. É na escada. ~~
Apesar de todos os contras, foi um filme melhor que o primeiro e a atuação da Kristin estava melhor e a do Robert Pattinson nem deu pra ver direito pq ele quase não apareceu. E para compensar o sumiço do nosso Cedrico Digory, tivemos a constante aparição de Taylor Lautner - o lobisomen transmorfo gente. que vamos dizer a verdade: é muito legal assistir um filme onde o cara mais liindo esta frequentemente sem camisa. Uii *_* E pra compensar o bíceps do Jake, o do Edward quase é imperceptível debaixo da camada de 3 cm de pó de arroz que passaram no menino. Sério, dava até dó de ve tanta beleza escondida atrás de quilos e quilos de pó compacto. Triste, muito triste. Mas pra variar, o Jacob estava beeeeeem visível (6)

- Eclipse: Estréia prevista para 30 de junho de 2010 (eu vou na estréia nem que eu compre os ingressos dois meses antes >< )
"O diretor David Slade confirmou no seu Twitter o término das filmagens de A Saga Crepúsculo: Eclipse, terceiro filme da franquia, em Vancouver, no Canadá. Após 30 dias de trabalho, os atores Robert Pattinson, Taylor Lautner e Kristen Stewart seguiram para Los Angeles, onde moram."
Fonte

Enjoy people (y)

domingo, 10 de janeiro de 2010

Resuminho de Shadowland :)

Não tive muito tempo pra ler essa semana, mas semana que vem eu tento repor (y)

Ever reclama com Damen que a vida deles esta se tornando uma rotina e ele decide levá-la a um lugar especial - surpreende-la. Damen e ela vão para um museu de arte onde existem telas dos maiores pintores, dos amigos de Damen. Okey, ali tem um básico relato da vida de Damen, ds pinturas dele e tudo o mais, então Ever manifesta coisas necessárias para pintar e diz para que ele crie algo digno da mais pura inspiração de um gênio e depois eles vão pendurar na parede ao lado dos amigos dele (basicamente foram essas as palavras que elea usou:D )Adivinhem só: Damen pinta Ever como se fosse a personificação de todas suas encarnações. Sim, eu sei, muuito fofo(:

Não acredito que esqueci de mencionar nos outros resumos que a Ever achou um livro poderoso, o Livro das Sombras escondido no escritório de Jude. Bom, fiquem calmos, não é necessariamente um livro do mal e Jude ainda é uma incógnita, mas ninguém tem pressentimentos ruins acerca dele e eu realmente gosto dele :D Tanto que no capitulo 29 surge um 'algo mais' entre ele e Ever. Não que os dois tenham se beijando e tal, mas houve um pequeno e misero momento que os dois estavam próximos demais, onde Jude tocou o ombro de Ever e sem se darem conta os dois acabarm compartilhamento imagens e pensamentos - e nessa imagens Ever viu que Damen estava parado na soleir da porta, observando os dois, esperando ela. Teeenso.
A história das gêmeas foi cotnada e adivinhem, ele acabaram em Summerland porque a tia delas foi queimada na perseguição das bruxas de Salem e antes que os oficiais pudessem ver as gêmeas, a tia delas as enviou para Summerland, onde de lá elas nunca saíram até o momento que Ever precisou da ajuda delas e então elas perderam sua magia e não conseguem voltar - mas Damen esta trabalhando para restaurar a magia delas, oq seria mais simples se eles simplesmente usassem o Livro das Sombras, porém quando Ever levou Damen e as gêmeas (contra a vontade de Damen) para vê-lo, as gêmeas meio que deram um surto do tipo 'isso é meu e de mais ninguém' e no instante em que Ever pegou o livro delas e guardou - Jude chegou e os surpreendeu. Nessa parte eu pensei, pronto agora que a guria se ferra de vez, entretanto, Jude só ri quando Rayne diz que estavam vendo o Livro das Sombras e fala que se alguém poderia encontrar esse livro - esse alguém era Ever. Digamos que Damen trocou palavras vazias com Jude e o encarou fixamente e ficou surpreso com a 'intimidade' que Ever e Jude tinham. Traduzindo: ele ficou com ciúmes. Ah, a Sabine esta saindo com o Muñoz ~~ sim, ele foi buscá-la em casa e se deparou copm Ever. Enquanto Sabine estava no quarto se arrumando, Ever foi obrigada por ela a fazer sala e Muñoz pergunta para ela qual sua relação com Sabine. Ela diz que ela se tornou sua tutora legal depois que seus pais morreram. Então Muñoz diz que não sabia disso e sentia muito e então, sem ter ideia do porque, ela fala que sua irmã tmb morreu e que ela, por um momento, tmb morreu lá. Muñoz pergunta a ela se foi ali que ela começou a ser psiquica. Ela responde que sim e ela pede pra ele não contar a Sabine, ele propõe um trato: Ela não falta mais as aulas e ele não conta nada a Sabine.
 
(y)

Dark Swan | Richelle Mead


E eu tinha que ver algum livro a mais mesma escritora de Vampire Academy, não? Gostei das sinopses e estou rumo a ler o primeiro livro pq pelo que li na internet, são bons como VA. Enjoy pessoas ;}
(Link para download na pg Download de Livros no Menu do Blog ali do lado>>)



Dark Swan - Richelle Mead
01. Storm Born
Primeiro livro da Série Dark Swan. Eugenie Markham é uma poderosa shaman que ganha a vida banindo espiritos que cruzam o mundo mortal. Mercenária, sim, mas uma uma garota precisa comer.O seu caso mais recente, no entanto, foi o bastante para arruinar seu apetite. Contratada para encontrar uma adolescente que foi levada para o Outro mundo, Eugenie fica cara a cara com uma profecia - uma que revela segredos sobre o passado dela e alega que o primeiro filho de Eugenie irá ameaçar o futuro do mundo como ela conhece. Agora Eugenie é o alvo de cada demonio ambicioso, e os que não querem engravidar ela a querem morta. Euguenie lida com uma Glock tão suavemente quando com uma varinha, mas ela precisa de uns aliados formidaveis para um serviço assim. Ela encontra em Dorian, um rei fada seduror com gosto para escravidão, e Kiyo, um lindo transmorfo, que redefine a atração animal. Mas com os inimigos crescendo e o tempo se esgotando, Eugenie percebe que o maior perigo ainda está por vir, e está no poder negro que está se agitando a vida dentro dela...

02. Thorn Queen
Eugene Markham é uma shaman de aluguel, paga para compelir e banir criaturas do Outro Mundo. Mas depois de sua última batalha, ela também se tornou a rainha da Terra da Tempestade. É dificilmente uma vida invejosa, com seu reino em frangalhos, sua vida amorosa em um caos, e Eugene está ansiosa para evitar a profecia sobre seu primeiro filho destruindo o mundo. E agora, jovens garotas estão desaparecendo para o Outro Mundo, e ninguém – exceto Eugene – parece disposta a descobrir por quê.
Eugene derramou muito sangue de fada no seu tempo, mas este inimigo é astuto, sutil e nutri um ressentimento muito pessoal. E os homens na sua vida não estão tornando as coisas mais fáceis. Seu namorado Kiyo está preocupado com sua ex que está grávida, e o sexy rei Dorian sempre representa uma perigosa distração.
Com ou sem a ajuda deles, Eugene deve se aventurar nas profundezas do Outro Mundo e confiar em um poder imprevisível, que ela mal consegue controlar. Rainha relutante ou não, Eugene jurou fazer o seu dever, mesmo que isso justifique enfrentar o mais escuro – e pior – lado de sua natureza...

03. Iron Crowed
(Sem descrição - lançamento previsto para 2010)

Filmes de Terror

Acho que eu tenho problemas sérios. Por que? Bom, pq quando eu assisto filmes de terror - eu dou risada. É tão sangrento, tem mortes tão rápidas ou tão lentas, efeitos especiais tão pobres e toscos que chega a ser engraçado. E as falas de conforto que um personagem moralista sempre fala pro que acabou de perder o amor da vida dele ou algo parecido? Fala sério, como se ter uma morte dolorida e macabra fosse bom pra alguém. Tem sempre um que se sacrifica pra salvar os amigos, mas do que adiantou - eu pergunto; se todos acabam morrendo no final do filme na maioria das vezes? Só mais um ator bonito desperdiçado por caprichos. E por que a galera que tá em perigo sempre resolve dar uma de X-men sem poderes e ir atrás do serial killer? Ou então fogem pra um lugar onde não tem pra onde fugir. O que mais me irrita é quando eles se separam. Pra quê? A vantagem não seria ficarem juntos? Sem contar as armas brancas quase transparentes que eles resolvem usar, isso se eles não resolvem tentar convencer o assassino ser uma pessoa melhor. Mata logo de uma vez, ficar conversando pra quê? Pra dar uma chance do cara matar você? Idiotice manow.
Um filme de terror mais que ridículo foi A Casa de Cera que tem no elenco Jared Padalecki que é transformado em boneco de cera humano e é desfigurado pela namorada quando esta tenta salvá-lo. Grande salvação. Okey que o final até surpreendeu um pouquinho pelo fato dos irmãos que sobreveviram descobrirem que além dos dois irmão neuróticos traumatizados que morreram no incêndio tinha um outro - o cara do caminhão que levava a galera até eles, mas o resto do filme foi muito clichê. Me neguei a assistir o dois, era exigir demais da minha pessoa. Agora os 3 primeiros filmes do Jinsaw foram muito legais, mas perdeu o gás no 4. Claro que eu adorei ver os legistas encontrando a fita no estomago do Jinsaw durante a autópsia, mas só gostei disso. Já ta saindo o 6 e eu nem sequer vi o 5 ainda ~~
O Exorcista foi macabro :x Pelo menos o primeiro foi, mas o segundo eu não sei porque eu dormi na metade do filme. Juro manow. Que pessoa normal dorme num filme como O Exorcista? Esse é o tipo de filme que deveria fazer vc ficar com os olhos grudados na tela e não pegar no sono. Eu disse que tinha problemas.
Quem achou Turistas uma porcaria levanta a mão .ol  Com toda aquela publicidade que teve, todo mundo comentando e mimimi, que ia ser gravado aqui no RJ e mais mimimi, eu achei que ia ser o Sr Filme. Bem que meu amigo me disse pra não me dar ao trabalho de alugar pq era uma grande bosta. Quem tem medo da Samara levanta a mão .ol  Afinal é história japonesa né colega. O Chamado (os 2) foi o melhor filme de terror que eu já vi e sem criticas sobre okey. Vai que a Samara me liga? :x Tosco, eu sei.
Acho que já vi tantos filmes de terror que pra mim não tem mais graça, quanto mais você assiste, mais você vê o quanto os filmes são parecidos e giram em torno de nada em particular. Normalmente todo mundo morre no final, tendo constantes mortes recheadas de catchup - que graça; e mocinhos legais e bonitos morrendo pra salvar o mundo sendo que nunca salvam. E os filmes de terror normalmente terminam com um Q de abertura para um segundo filme e eis que nunca tem um segundo filme. Trágico, eu sei.

(y)

sábado, 9 de janeiro de 2010

Enquete Encerrada!



68 pessoas se deram ao trabalho de votar ;O Uma superação, já que eu não esperava nem 15 :D
Ficou assim:
House of Night por PC & Kristin Cast - 28 votos (41%)
The Morganville Vampires por Rachel Caine - 8 votos (11%)
Vampire Academy por Richelle Mead - 17 votos (25%)
Twilight por Stephenie Meyer - 41 votos (60%)
Vampire Kisses por Ellen Schreiber - 8 votos (11%)
Vampire Diaries por LJ Smith - 14 (20%)

Enjoy (y)

Novidades do Filme de HON

E finalmente alguma notícia mesmo que não seja lá aquelas coisas sobre o filme que estão produzindo de HON.

"Apparently the movie archive post has been overloaded and it’s not working right. Le Sigh. Soooo, here’s a quick movie update to answer your zillion questions:

1. Yes, the series has been optioned for film. Quite a while ago actually. By Michael Birnbaum at Empire Pictures. He’s working on making MARKED into a movie right now.
2. I’m pleased about this and trust Michael. So, no, I don’t think turning my world into a movie will ruin it. Relax guys. It’ll be fine.
3. I don’t have anything to do with casting. That’s Michael’s area of expertise. If he has open casting calls I’ll post about it on my blog. Emailing me your resumes, photos, etc., won’t help you get a part in the movie. I’ll be lucky if I get a part myself. Jeesh. I’M JUST THE AUTHOR!
4. No, I can’t give you Michael’s contact info. Try google.
5. No, I’m not involved in the script. Yes, I know the screenwriter. His name is Kent Dalian and I heart him totally. He’s doing an awesome job translating my book(s) into film. No, I can’t give you his contact info either.
6. I don’t know when or even if the movie will actually be released. It’s not filming yet, guys, so just be patient. I’d rather have a wonderful movie that comes out LATER than something crappy that’s rushed into production. Not that I have any control over that, but Michael is showing excellent judgment about such things and I’m totally satisfied with the direction he’s taking the film.
So sit tight with me, and let’s see what happens. If all else fails, you, Kent, Kristin, and I will eat lots of too buttery popcorn and either be awestruck (like it’s AVATAR) or we’ll sob hysterically (like it’s that sad version they made of Dean Koontz’s awesome book, WATCHERS). Personally I’m keeping my fingers crossed for the AVATAR comparison…
XXXOOO
PC"

Fontes aqui e aqui.

Okey, pelo menos uma coisa deu pra saber: Não será uma série de tv exibida apenas em canal fechado e pros americanos. Outra coisa: Não vão juntar livro um e livro dois pra fazer um filme, como vocês leram antes, a PC disse que o produtor esta realizando um filme do Marcada. E cara, eu gostei disso porque eu tava morrendo de medo que juntassem dois outrês livros pra fazer um filme. Ia ficar muuuito confuso pra quem não leu os livros e ia ser ridiculo no ponto de vista dos fãs de carteirinha tipow: eu :D
Qualquer novidade eu corro e posto aqui(: Enjoy (y)